Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A agenda pode ser uma mera coincidência, mas que há estranheza no ar, ninguém dúvida. Poucos dias após a viagem do governador Camilo Santana à China e, depois à Alemanha, onde se reuniu com os dirigentes da empresa que irá administrar o Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) desembarca em Frankfurt. Terá reunião, também, com os dirigentes da Fraport.

A visita é para dizer que o tapete vermelho estará estendido na Capital cearense para receber os alemães. Nos bastidores da Assembleia Legislativa, tem gente com uma pulga por trás que se pergunta: por quais razões RC não construiu a agenda comum com Camilo? Ou porque RC não espera o mês de abril para conversar, em Fortaleza, com as alemães?

Os analistas mais atentos acompanham outras ‘coincidências’ na agenda de Roberto, que constrói um caminho para se viabilizar candidato ao Governo. Seja em 2022……ou em 2018. O jornalista Carlos Alberto Alencar, em sua Coluna Política & Economia, fala sobre a agenda de Roberto Cláudio no exterior.

Na pisada do turismo

Apenas uma semana após o governador Camilo Santana, ter retornado de Frankfurt, na Alemanha, onde se reuniu com o CEO da Fraport, (Frankfurt Airport Services Worldwide), Stefan Schulte, empresa alemã que administrará o Aeroporto Internacional Pinto Martins pelos próximos 30 anos, inexplicavelmente o prefeito Roberto Cláudio fará o mesmo caminho nos próximos dias, para, segundo a sua assessoria de imprensa, cumprirá extensa agenda de reuniões com o senhor Stefan Schulte. Das duas uma, ou Camilo não deixou os negócios bem encaminhados com a Fraport na Alemanha, ou Roberto Cláudio vai treinar o alemão. Ah sim, da Frankfurt ele vai dar uma esticada à Índia. E para piorar ainda mais a situação o vice-prefeito, Moroni Torgan, assume a Prefeitura de Fortaleza. Olha os estragos da chuva na cidade e volta prá casa, Roberto.

Com informação da A.I