Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O deputado estadual Romeu Aldigueri (PDT) destacou, na Assembleia Legislativa, as transformações que a cidade de Uruburetama está passando após o início da administração do vice-prefeito Artur Nery que assumiu o comando político e administrativo do Município com o afastamento do prefeito Hilton Paiva. Hilton teve o mandato cassado e está preso por crimes de assédio sexual.

Romeu fez um relato sobre os desmandos administrativos do então gestor que, além do atraso no pagamento de salários e de fornecedores, deixou o Município inadimplente, impedindo, assim, a assinatura de convênios e recebimento de recursos dos Governos Estadual e Federal para obras e projetos de interesse da população.

Artur Nery foi empossado no cargo de prefeito no dia 16 de julho de 2019 e, segundo o deputado estadual Romeu Aldigueri, conseguiu, em apenas oito meses, tirar o Município de Uruburetama da inadimplência, colocar em dia os salários dos servidores e pagar os fornecedores de serviços e obras.

As mudanças, conforme o pedetista, melhoraram a autoestima da população e tiraram a cidade do noticiário policial. Romeu registrou, ainda, uma decisão da Justiça que inocenta o prefeito Artur Nery, o filho Alexandre e a nora Sandra Prado das denúncias de extorsão contra o então prefeito Hilton Paiva. O deputado Romeu Aldigueri leu um trecho da decisão do juiz da Comarca de Uruburetama, Eduardo de Castro Neto, que, ao declarar a inocência de Artur, Alexandre e Sandra, destaca a inexistência de qualquer indício na denúncia que os comprometam em tentativa de extorsão.

Confira abaixo na íntegra o pronunciamento do deputado estadual Romeu Aldigueri (PDT):

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp