Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Durante coletiva na manhã desta quarta-feira (02), no salão nobre da Assembleia legislativa, o deputado estadual e prefeito eleito José Sarto, falou sobre o encontro com lideranças partidárias que o apoiaram na sua candidatura e elencou as prioridades para o início de sua gestão em 2021.

“Nós temos falado em três áreas importantes Tem a recuperação econômica, que é criar programas de emprego e renda principalmente na periferia com foco nas mulheres chefes de família e com foco na juventude. Na saúde, tão logo saia a vacina, e está na eminência de sair, é adquirir a vacina e disponibilizar pra toda a população a vacina em casa para os grupos de risco, idosos profissionais da saúde e gestantes”, disse Sarto.

Como terceiro setor de prioridade, Sarto afirmou que o retorno seguro das aulas será uma ação no início de sua administração. Ele disse que as escolas de Fortaleza já foram adaptadas neste período para respeitar o distanciamento social e que foram adquiridas janelas, bem como materiais de proteção individual para a diminuição dos riscos de infecção nas instituições de ensino.

Sobre o encontro realizado nesta manhã, José Sarto pontuou que a motivação para a reunião foi com a intenção de agradecer o apoio das siglas durante o período de campanha. Ele disse que nenhum partido fez qualquer ponderação, a não ser oferecer programa de governo para que seja avaliado e indicado.

“Convidei a todos os partidos, todos, sem exceção, para estarem aqui pra fazer aqui pessoalmente, em meu nome e em nome do Élcio, que é nosso vice prefeito eleito, de agradecer o apoio que tivemos nessa luta, nesse debate lutando por Fortaleza, onde eu coloquei, sempre se posicionaram em defesa da cidade”, afirmou.

Sarto disse ainda que há sim interesse de acoplar ideias dos candidatos derrotados que o apoiaram no segundo turno. Ele ressaltou o projeto de Célio Studart, candidato do PV, que apresentou uma proposta de proteção animal, a qual muito interessou a equipe de José Sarto. Ao falar sobre como irá contemplar os partidos que o apoiaram, o deputado destacou a importância da capacidade técnica.

“A regra é perfil e capacidade técnica e a gente não faz política sozinho, a gente tem um grupo de partidos, de pessoas, a regra é ouvir evidentemente quem for participar da gestão tem que ter perfil e tem que ter capacitação técnica”, pontuou.

Por fim, ao falar sobre a sucessão na presidência da Assembleia Legislativa, Sarto disse que há um nome, mas que não pode revelar. Sobre a transição na prefeitura, ele disse que está aguardando o prefeito Roberto Cláudio publicar um decreto para mudança administrativa, e, a partir disso, haverá o processo de avaliação das pastas.

“Publicado o decreto, a gente vai estabelecer a equipe e ouvir detalhadamente órgão por órgão, secretaria por secretaria, como é que nós estamos, as obras que estão em andamento, o que que tem prazo…o que já está em execução”, finalizou.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp