Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A meta de vacinação da tríplice viral em todo o Estado, contra o sarampo, caxumba e rubéola, é de imunizar 135 mil crianças e jovens, entre cinco e 19 anos. Ainda não foi realizada a contagem de quantas doses foram aplicadas até o momento no Ceará. Já em todo o País, o objetivo da campanha é de vacinar três milhões de pessoas na mesma faixa etária.

Com o tema “Mais proteção para a sua família”, a ação quer sensibilizar pais e responsáveis sobre os riscos de não vacinar seus filhos e reforçar que o sarampo é uma doença grave e que pode matar. A campanha segue até o dia 13 de março. Após essa data, pessoas até 49 anos devem receber a imunização.

Em 2019, foram notificados 285 casos de sarampo do Ceará, sendo nove casos confirmados pelo critério laboratorial, 38 em investigação e 238 descartados. Nenhuma morte pela doença foi registrada no Estado. Este ano, o Estado não tinha casos confirmados da doença até ontem, 20.

O sarampo é uma doença viral aguda similar a uma infecção do trato respiratório superior. Segundo o Ministério da Saúde é considerada potencialmente grave, sobretudo, quando atinge crianças com menos de cinco anos de idade.

A transmissão da doença acontece a partir de gotículas de pessoas doentes ao espirrar, tossir, falar ou respirar próximo a pessoas sem imunidade contra o vírus. A vacinação é o único modo de prevenção contra a doença.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp