Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Cerca de 200 servidores e colaboradores da Secretaria da Fazenda do Ceará (Sefaz-Ce) que estão em trabalho semipresencial fizeram, nesta sexta-feira (20/11), no auditório da Sede III, testes para a Covid-19 (RT-PCR). A testagem foi realizada em parceria com a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), por meio do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen).

A secretária executiva de Planejamento e Gestão Interna da Sefaz, Sandra Machado, destacou que a testagem é uma medida de prevenção e monitoramento da saúde dos fazendários.

“A ação reforça nosso compromisso com o cuidado e atenção permanente com todos desta Secretaria. Essa testagem vai permitir uma maior tranquilidade às pessoas que estão convivendo no ambiente de trabalho em relação à Covid-19”, disse, acrescentando que serão disponibilizados mais 300 testes posteriormente.

Um dos servidores que realizou o teste foi o Jorge Alberto de Saboya, lotado na Célula de Gestão Fiscal dos Macrossegmentos Econômicos (Cemas). Para ele, a iniciativa proporciona mais segurança para a retomada.

“É importante saber se os profissionais estão aptos para estar no trabalho presencial. A Sefaz tem dado todas as condições para o trabalho remoto e híbrido. Também percebemos que a Secretaria está adotando outras medidas de segurança sanitária para garantir a redução do contágio do vírus”, afirmou.

“O teste de biologia molecular é o ideal para se ter um panorama legítimo e recente da Covid-19 porque ele identifica a infecção atual da doença. Essa ação faz parte das iniciativas para o retorno gradual e responsável das atividades presenciais”, ressaltou Émerson Oliveira, assessor técnico da Coordenadoria Vigilância em Saúde da Sesa. Ele explicou ainda que os servidores e colaboradores que testarem positivo devem contar o prazo de 14 dias, após a coleta, para voltar a trabalhar presencialmente.

Sobre o exame

O exame de RT-PCR é um teste de biologia molecular, feito a partir da coleta de secreções das vias respiratórias, que detecta a presença do vírus no organismo. O resultado fica disponível em até cinco dias no site Saúde Digital (digital.saude.ce.gov.br).