Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

As dúvidas sobre o momento para pedir a aposentadoria continuam deixando angustiados segurados da previdência social. Os questionamentos surgem, também, entre contribuintes da área rural que pedem explicações sobre os documentos essenciais para comprovar a atividade no campo.

Dúvidas dos ouvintes

Uma das perguntas é do ouvinte Amarildo, de Ubajara, no Ceará, que quer saber se a mãe, agricultora, com 63 anos, pode pedir aposentadoria.

A ouvinte/internauta Antônia, de Capistrano, encaminhou uma dúvida, que terá esclarecimento neste sábado, perguntando se a filha, filiada ao sindicato rural três meses após grávida, tem direito ao benefício da licença-maternidade.

O ouvinte José da Silva, de Cascavel, no Ceará, receberá esclarecimentos sobre o questionamento em relação ao PPP (Perfil Profissiográfico Previdenciário) que ele precisa, após trabalhar em posto de combustível, para conquistar a aposentadoria. O José terá, ainda, informações sobre o que ele deve fazer para conseguir esse documento após a empresa fechar.

A ouvinte Maria do Nascimento, da cidade de Campos Sales, pede explicações sobre a situação dela, que, hoje, com 47 anos de idade, soma 19 anos de contribuição (12, com carteira assinada, e outros 7, como contribuinte individual). Dona Maria do Nascimento pergunta se terá que contribuir até os 62 anos de idade para pedir a aposentadoria.

A resposta do professor Thiago Albuquerque à ouvinte Maria Nascimento, com informações preciosas para milhares de ouvintes e internautas, está bem redonda, com análise que a deixará segura sobre os caminhos da aposentadoria.

O Alerta Geral, neste sábado (14), tem, também, um registro bem especial que é a mensagem da ouvinte Maria Gorete, de Fortim, com agradecimentos pelas informações que a colocaram na porta do INSS para se aposentar. Dona Maria Gorete garantiu a aposentadoria e agradeceu ao Alerta Geral. 

Rede de comunicação

A partir da  FM 104.3 e da FM 107.5, na Grande Fortaleza, a maior rede de educação previdenciária, pelo rádio e pela Internet, tem 35 emissoras no Interior e chega a todo o Brasil pelas redes sociais do Ceará Agora.

O jornalista Luzenor de Oliveira, ao lado do professor Thiago Albuquerque, especialista em previdência social, tem informações, explicações e dicas  para os ouvintes e internautas que querem saber quais são os caminhos mais seguros para receber pensões, auxílios e aposentadorias.

Confira o recado do jornalista Luzenor de Oliveira:

 

Fique de olho e acompanhe nossas redes sociais:

Instagram: Ceará Agora

Facebook: Ceará Agora

Youtube: Ceará Agora

Twitter: Ceará Agora

Acompanhe na integra o Programa deste sábado (14):

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp