Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Divagando….!

Uma programação variada é o que promete o Theatro José de Alencar para esta semana. Nesta quinta, a partir das 19 horas, estará em cartaz o Quarteto de Violão Divagando no Foyer, com entrada gratuita e indicação livre. O quarteto de violões Divagando, formado em 2016, é um encontro de amigos que compartilham a paixão pela música e em especial pelo violão, sendo um grupo de estudo e formação continuada. O grupo tem a intenção de manter vivo e difundir o repertório já produzindo para a formação, divagando entre os vários matizes sonoros. O repertório atual conta com obras de compositores cearenses como Nonato Luiz, Rogério Lima, Francisco Soares, Marcos Maia, Flávio Soares, Edigar Monteiro e o argentino Astor Piazzola.

Mágico além do Arco-Íris

No Sábado (18) e Domingo, as 18 horas, o Grupo Catavento e Escola de Atores apresenta o Musical – O MÁGICO DE OZ, no Palco Principal.
O espetáculo é inspirado no livro ALÉM DO ARCO-ÍRIS, de Marcelino Câmara. Tão logo a bruxa, queixuda e nariguda entrar em cena, o público vai se sentir à vontade, como se já conhecesse aquele personagem. Quem pensar nas bruxas clichês de outras produções estará enganado pois a interpretação da atriz como a Bruxa Má do Oeste, é um dos trunfos do espetáculo musical O MÁGICO DE OZ. A personagem Dorothy vivencia diferentes aventuras marcadas pela ludicidade. A trilha sonora é original. Ingressos: R$ 30 , R$ 15 (meia). Classificação Indicativa: Livre

Chafurdo
No Dragão do Mar, dias 19 e 26 de março, acontecerá o Ch@furdo, onde três irmãos se reúnem para realizar uma apresentação musical improvisada com a maioria dos instrumentos feitos de materiais alternativos. Ao longo do espetáculo, vão descobrindo, junto do público, diversas formas de composição musical. O irmão mais velho tenta, a todo o momento, reger e organizar a apresentação, façanha que se torna difícil uma vez que o irmão mais novo sempre se desconcentra, atrapalhando os números e deixando o irmão do meio entre a obrigação e a brincadeira. Chafurdo – que significa caos descontrole, algazarra e festa – é o que proporciona os musicômicos Orlângelo Leal, Ângelo Márcio e Paulo Orlando, provocando o público com música excêntrica e outras surpresas. Um espetáculo livre para todos os públicos. Às 17h, na Praça Verde. Classificação: livre.