Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Comissão de Constituição e Justiça do Senado aprovou nessa quarta-feira, 20, um projeto de lei que obriga partidos políticos a cumprirem uma série de normas para aumentar a transparência e evitar atos de corrupção.

De autoria do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), o texto altera a Lei dos Partidos Políticos para submeter seus representantes a programas de compliance, sistema de integridade amparado em regras de responsabilidade social e princípios éticos, sob pena de suspensão de recebimento do Fundo Partidário, pelo período de até 12 meses.

Como foi aprovado em caráter terminativo pela CCJ, caso não seja apresentado recurso para votação no plenário do Senado, a matéria seguirá para apreciação da Câmara dos Deputados. A ideia é que cada partido fique obrigado a prever o programa de integridade em seu respectivo estatuto.