Acordo garante Republicanos na chapa de Vitor Valim à Prefeitura de Caucaia

Compartilhe:

Estão cada vez mais agitados os bastidores da disputa pela Prefeitura de Caucaia. Após o ex-presidenciável Ciro Gomes (PDT) declarar apoio à pré-candidatura do petista Elmano de Freitas, lideranças políticas passaram a se movimentar para definir novas estratégias na corrida pela Prefeitura que, nesse momento, tem seis pré-candidatos (Naumi Amorim, Vitor Valim, Emília Pessoa, Natécia Campos, Zé Gerardo e Elmano de Freitas).

Com mais de 220.000 eleitores, Caucaia caminha para ter a eleição em dois turnos, caso um dos candidatos não some, no primeiro turno, mais de 50% dos votos válidos. A briga pelas duas vagas já começou e, nessa caminhada, o ex-presidenciável Ciro Gomes entrou para levar Elmano de Freitas ao segundo turno.

A briga pelo segundo turno tem o prefeito Naumi Amorim, que disputará à reeleição, e o deputado Vitor Valim (PROS), além de Emília Pessoa (PSDB). Emília, nesta quarta-feira, bateu nos chamados forasteiros que invadem Caucaia nas eleições de 2020. O recado de Emília é para Vitor, Naumi e Elmano que não nasceram na cidade. Naumi, embora não seja natural do Município, atua na área empresarial e política de Caucaia há quase 20 anos.

Sem pré-candidatos a prefeito, outras forças partidárias, além do PSD, PP, MDB, PSDB, PT e PROS, correm para compor chapas. Uma das alianças que estão que sendo construídas é entre o PROS e o Republicanos que, em Fortaleza, é aliado do Capitão Wagner e, na cidade de Caucaia, dá sustentação ao nome de Vitor Valim.

Caberá ao Republicanos a indicação do vice que poderá recair sobre o nome do deputado federal Deuzinho Filho. O acordo sobre a aliança PROS-Republicanos, que passa pela campanha em Fortaleza e Caucaia, foi selado entre representantes nacionais das duas agremiações. Deuzinho exerce o mandato na Câmara Federal com a licença do deputado federal Vaidon Oliveira.

Compartilhe:

Leia a Anterior

Com parecer de Cid Gomes, Senado aprova projeto que garante mais dinheiro para Estados e Municípios

Leia a Próxima

Dengue: casos crescem 32% durante primeiro semestre no Ceará