Decreto que proíbe abertura de comércio e serviços não essenciais é prorrogado por mais uma semana

Compartilhe:

O decreto que proíbe o funcionamento de diversos comércios e estabelecimentos foi prorrogado por mais uma semana, até 5 de abril. A informação foi divulgada pelo governador Camilo Santana durante uma transmissão ao vivo em rede social neste sábado (28).

Com a medida, continua paralisado os serviços em bares, restaurantes, lanchonetes e estabelecimentos congêneres; templos, igrejas e demais instituições religiosas; museus, cinemas e outros equipamentos culturais, público e privado; academias, clubes, centros de ginástica e estabelecimentos similares; lojas ou estabelecimentos que pratiquem o comércio ou prestem serviços de natureza privada; shopping center. Devem funcionar os supermercados, farmácias e locais que prestem serviços essenciais.

Confira a mensagem do governador:

Aulas suspensas

A Secretaria da Educação do Ceará (Seduc) também divulgou neste sábado (28), uma recomendação para que as escolas da rede pública implementem o ensino a distância e domiciliar durante a pandemia de coronavírus. Por conta da crise na saúde, as aulas estão suspensas desde o dia 18 de março.

Compartilhe:

Leia a Anterior

Prazo para saque-imediato do FGTS termina na próxima semana

Leia a Próxima

Vacinação em postos de saúde é retomada em na capital cearense a partir desta segunda-feira