Regularização do título eleitoral: 97% dos cearenses ainda não compareceram aos postos de atendimento

Mais de 64 mil eleitores do estado precisam comparecer aos postos de atendimento para não ter o título cancelado

Compartilhe:

Os eleitores que não votaram nem justificaram a ausência às urnas nas últimas três eleições, têm até o próximo dia 6 de maio para regularizar a situação. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), apenas 3% dos cearenses regularizam a situação do título de eleitor. Ao todo, 66.098 eleitores cearenses precisam prestar contas com o tribunal, destes apenas 1.647 títulos eleitorais estão regularizados.

Mais de 64 mil eleitores do estado precisam comparecer aos postos de atendimento para não ter o título cancelado. Em Fortaleza, 34 mil títulos estão irregulares e apenas 813, pouco mais de 2%, estão regulares. A situação em Juazeiro do Norte não é diferente, dos 2.367 títulos com pendências, somente 60 foram regularizados.

O mesmo se repete em Sobral, que totaliza 1.418 situações irregulares, com apenas 31 regularizações. Entre os municípios com a menor quantidade de títulos irregulares estão Granja, Guaraciaba do Norte, Uruoca, São Benedito e Paracuru, com apenas 1 título de eleitor irregular registrado.

Em todo país, mais de 2,5 milhões de pessoas estão em situação irregular de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Compartilhe:

Leia a Anterior

Itapipoca é o nono município que mais exporta no Ceará

Leia a Próxima

Votação do parecer sobre a Reforma da Previdência acontece na tarde desta terça-feira (23)