STF julga inconstitucional lei municipal que proíbe transporte por aplicativos

Com paralisação, corridas mais que dobraram de valor na Capital

Foto: Reprodução.

Compartilhe:

O Supremo Tribunal Federal, o STF, decidiu por unanimidade declarar inconstitucionais as leis que proíbem o uso de carros particulares no transporte remunerado de pessoas. Na prática, a decisão libera o uso de aplicativos em todo o país.

A decisão foi tomada pelos ministros durante a análise da validade de leis de Fortaleza e de São Paulo que tentavam restringir os aplicativos.

Com a paralisação dos motoristas em protesto, quem tentou chamar um transporte por aplicativo se deparou com o preço até 125% mais caro que o comum, isso porque a oferta diminuiu durante o protesto, valorizando o preço dos motoristas que continuaram circulando.

Desse modo, os ministros ainda devem definir o limite da atuação dos municípios na regulamentação do tema, o que deve acontecer na sessão de hoje.

Compartilhe:

Leia a Anterior

Capes suspende concessão de bolsas de mestrado e doutorado

Leia a Próxima

Fique por dentro das principais notícias do dia: