Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pelo quarto dia consecutivo, o Ceará sofre uma onda de ataques criminosos em vários pontos de Fortaleza e cidades do interior. Neste sábado (5), criminosos incendiaram carros em um shopping e em uma concessionária de veículos, atacaram bancos e atiraram contra um supermercado na capital. Os crimes ocorreram mesmo após a chegada de agentes da Força Nacional, enviadas ao Ceará por autorização do ministro da Justiça, Sérgio Moro. 

O número de ataques criminosos chegou a 89, desde o início da onda de violência até este sábado. Bandidos queimaram veículos do transporte público; carros de particulares e concessionárias; e atacaram diversos prédios públicos, como bancos, delegacias e prefeituras. Uma bomba foi explodida na coluna de um viaduto na BR-020, em Caucaia, mas o equipamento passou por obras e não corre o risco de desabar.

Até as 13h30 deste sábado, a Secretaria da Segurança do Ceará confirmou que 86 suspeitos foram detidos por envolvimento nos atentados, incluindo adultos e adolescentes. Um casal de idosos e um motorista ficaram feridos até o momento.

Leia mais:

+ Ataques no Ceará são tentativa de fazer estado recuar de combate ao crime, diz Camilo Santana

+ Polícia investiga mensagem de facção com ameaça de atacar mais pontes no CE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp