Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Dois suspeitos de envolvimento na ocorrência que resultou em um policial militar baleado, na noite dessa quarta-feira (15), foram presos horas depois do crime. As capturas se deram em duas ações distintas, efetuadas pelas Polícias Civil e Militar do Estado do Ceará e pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). O policial vítima, lotado na Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), foi baleadoao intervir em umroubo a veículo, ocorrido no bairro Jangurussu – Área Integrada de Segurança 4 (AIS 4). Ele recebeu atendimento médico e sua situação é estável, sem risco de morte.

Os presos foram identificados por Joaquim Jailson Batista de Silva (20), que responde por posse ilegal de arma de fogo, e Wesley da Silva Barbosa Rebouças (20), o “Gago”,que responde por posse ilegal de arma de fogo e roubo. Os dois se envolveram em uma série de crimes cometidos na noite dessa quarta (15). Entre eles, a ocorrência que resultou no PM baleado. Na ocasião, a vítima tentou intervir em um roubo cometido pelos suspeitos e acabou sendo baleada no abdômen. Houve troca de tiros e um dos bandidos, Wesley, foi atingido no pé. Além disso, eles também tomaram três carros de assalto na mesma área e tentaram invadir uma residência.

Os capturados foram autuados em flagrante por tentativa de latrocínio e roubo qualificado por emprego de arma e concurso de pessoas. O procedimento policial foi feito no 30º Distrito Policial, que é a delegacia da área onde se deu a ocorrência. Por se tratar de uma ocorrência que envolve um agente de segurança, as investigações serão transferidas para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que também participou das diligências que resultaram na prisão de Wesley. A Polícia suspeita que outras duas pessoas estejam envolvidas no delito. Os trabalhos policiais prosseguem.

O policial militar, de 29 anos,foi atingido no abdômen e socorrido ao Hospital Edmilson Barros de Oliveira, conhecido como“Frotinha da Messejana”. O PM passou por intervenção cirúrgica e está em situação estável, sem risco de morte. Wesley foi reconhecido por testemunhas pela autoria dos tiros contra a vítima.

Prisões

O primeiro a ser capturado foi Joaquim. Ele foi preso por policiais da PRF quando seguia em fuga pela BR 116,em um veículo Siena roubado, de cor branca e placas OIG6186. Dando continuidade às diligências, os policiais receberam informações de que Wesley estava na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município de Horizonte, para receber atendimento médico devido ao tiro que acertou seu pé. A prisão ocorreu ainda no local, efetuada por equipes de policiais militares e da DHPP. Os agentes de segurança também recuperaram os outros dois veículos roubados pelos infratores, que são dois de marca Renault e modelo Logan, ambos de cor prata e placas OCO3174 e HIO1542, além de outros objetos de origem duvidosa, como uma bolsa, carteiras, DVDs “piratas”, bijuterias, relógio e aparelhos de DVD, celular e ventilador, que estavam dentro de um dos carros.

Fonte: SSPDS