Categorias
Carlos Alberto Alencar

Brasil está entre os países mais desonestos do mundo, diz pesquisa

Em tempos em que o mundo parece permeado pela corrupção, é possível medir o nível de honestidade dos países? Movidos pela intenção de desafiar o senso comum, três pesquisadores dos Estados Unidos e da Suíça apostaram em uma metodologia inovadora para detalhar índices em 40 países, incluindo o Brasil. A Suíça foi considerado o país mais honesto. O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que ao longo de três anos, mais de 17 mil carteiras foram deixadas em pontos estratégicos de 355 cidades de 40 países — algumas com dinheiros e outras sem —, como se tivessem sido perdidas.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar

Desemprego de longo prazo cresce 42,4% entre 2015 e 2019

O número de brasileiros que procuram trabalho há pelo menos dois anos chegou a 3,3 milhões no primeiro trimestre de 2019, destacou hoje o Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea). O número de desempregados de longo prazo é 42,4% superior ao do mesmo período de 2015, primeiro ano da recente recessão da economia brasileira. O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que uma das responsáveis pelo estudo, a técnica de planejamento e pesquisa do Ipea, Maria Andreia Parente Lameiras, disse que o mercado de trabalho é “o pior retrato” da crise econômica enfrentada no país e afeta mais os trabalhadores menos escolarizados e as famílias de menor renda.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque3

Conservadorismo e medo de perder dinheiro levam brasileiro a preferir poupança

Poucos são os brasileiros que chegam ao fim do mês com dinheiro sobrando e, diante de um quadro de instabilidade econômica, mesmo quem consegue fazer uma reserva vem recorrendo a aplicações de menor risco, deixando a boa estratégia de lado. É o que revela o Indicador de Reserva Financeira, apurado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que em abril, a velha e conhecida poupança seguiu na liderança (65%) entre as modalidades de investimento. Manter o dinheiro em casa foi a opção de 25% dos poupadores, enquanto 20% deixaram os recursos parados na conta corrente. Apenas 8% escolheram a previdência privada e 7% os títulos do tesouro direto.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque3

Municípios perderão economia de R$ 6 bi em 10 anos sem reforma

A reforma da Previdência ganhou um novo capítulo na última quinta-feira (13), com a apresentação do relatório do deputado federal Samuel Moreira (PSDB) na Comissão Especial da Câmara dos Deputados. Mas, se a linha do tempo da atualização previdenciária ganhou mais um ponto, o novo texto apresentado poderá significar a perda de uma economia de mais de R$ 6 bilhões para 64 municípios cearenses ao longo de 10 anos, segundo dados da Confederação Nacional dos Municípios (CNM). O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que o impacto negativo nas contas públicas dessas cidades virá pela não inclusão de estados e municípios no texto da reforma, o que deverá ser feito posteriormente, como apontam especialistas consultados pela reportagem.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar

Ipea aponta queda de 0,2% no Indicador de Consumo Aparente de Bens Industriais em abril

O Indicador Ipea de Consumo Aparente de Bens Industriais, que é definido pela produção industrial interna descontadas as exportações e acrescidas as importações, registrou queda de 0,2% em abril em relação ao mês de março, na comparação com ajuste sazonal. Na avaliação trimestral, de fevereiro a abril, o recuo foi de 1,4%. Os dados foram divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que a análise aponta que a produção interna líquida (descontadas as exportações) caiu 0,3% em abril em relação ao mês anterior, enquanto as importações de bens industriais recuaram 0,9% no período.

O resultado foi heterogêneo na análise das grandes categorias econômicas. Os segmentos de bens de capital e de bens de consumo mostraram crescimento de 0,3% e de 2,6%, respectivamente, frente a março. Já a demanda interna por bens intermediários caiu pelo terceiro mês consecutivo, com retração de 1,3%.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque3

Saque do abono do PIS/Pasep de 2018 termina dia 28

Termina no dia 28 de junho o prazo para o saque do abono salarial do PIS/Pasep ano-base 2017. Ainda há R$ 1,2 bilhão disponível para 1,9 milhão de trabalhadores. O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que quem tem direito ao abono e estava inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, trabalhou formalmente por pelo menos 30 dias em 2017 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e teve seus dados informados corretamente pelo empregador.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Os benefícios foram liberados de forma escalonada de acordo com mês de nascimento e agora estão disponíveis para os nascidos em qualquer mês.

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque3

Contratações de micro e pequenas empresas pelo BNB têm alta de 61,6% no CE

O Ceará teve uma elevação de 61% em contratações de micro e pequenas empresas (MPE) pelo Banco do Nordeste, comparando em igual período de 2018, de acordo com informações do banco. O valor contratado acumulou R$ 325,3 milhões, um crescimento de 108,9% em relação ao ano passado.  O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que de acordo com informações do BNB, a previsão é injetar R$3,4 bilhões com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) e Recursos Internos (Recin) no segmento, responsável pela maior parte da geração de empregos no Estado.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque1

Mais pobres são os que mais usam cheque especial, diz pesquisa

Os brasileiros mais pobres e com menos escolaridade são as maiores vítimas dos altos juros cobrados pelos bancos no cheque especial. A modalidade de empréstimo mais simples, porém mais cara, do mercado tem sido a saída dos trabalhadores com menor renda para fechar as contas no fim do mês. O resultado dessa equação são altos níveis de inadimplência nessas operações, que superam o de qualquer outra linha de crédito disponível para famílias. O assunto foi destaque no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que estudo do Banco Central mostra que 43,9% dos usuários do cheque especial têm renda inferior a dois salários mínimos (R$ 1.996) e 12,5% estão com os pagamentos em atraso superior a 90 dias. Outros 33,5% dos clientes que usam esse tipo de crédito ganham entre dois e cinco salários, com 6,4% de inadimplência.

Confira a análise completa clicando no player abaixo:

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque3

Ministro anuncia que liberação do dinheiro do PIS/Pasep e do FGTS é balão de oxigênio para a economia

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou em coletiva que o governo estuda liberar dinheiro de contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como estratégia para impulsionar a economia.

O comentarista relata que no governo anterior, de Michel Temer, foi liberado no fim de 2016 o dinheiro de contas inativas do FGTS com a mesma intenção de recuperar a economia. De acordo com Guedes, as medidas ajudarão, mas é preciso esperar a aprovação da reforma da Previdência.

Acompanhe a análise completa do jornalista Carlos Alberto Alencar em seu comentário no Jornal Alerta Geral (FM 104.3 na Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior do Estado + Redes Sociais) desta sexta-feira (31), pelo jornalista Carlos Alberto Alencar.

Acompanhe a análise completa no player abaixo:

O que é FGTS ativo e inativo?

Cada vez que um trabalhador inicia em um emprego com carteira assinada, uma nova conta é criada e vinculada ao seu FGTS. Portanto, uma única pessoa pode ter várias contas e cada uma corresponde a uma empresa na qual houve vínculo empregatício.

Ao consultar o extrato é possível ver a posição de todas as contas e verificar que algumas constam como ativas e outras como inativas.

Ativa: conta vinculada a um contrato de trabalho vigente. Recebe depósitos mensais por parte do empregador. O saldo rende juros e atualização monetária.

Inativa: conta vinculada a um contrato de trabalho extinto. Não recebe depósitos regularmente, mas pode ter saldo positivo, caso o trabalhador não tenha se enquadrado nas regras para saque. O saldo também rende juros e atualização monetária.

Quanto rende o FGTS?

O FGTS é conhecimento como um dos piores investimentos, justamente por ter uma rentabilidade muito baixa. Para ter uma ideia, perde para a poupança e há 20 anos rende abaixo da inflação.

O fundo é composto pelos depósitos realizados pelo empregador. O valor é proporcional a 8% do salário mensal e a rentabilidade é de 3% ao ano somada à TR (que está zerada desde 2017).

Como consultar o FGTS?

Existem várias formas de consultar o saldo do FGTS ou monitorar os depósitos feitos pelo empregador; pode ser pela internet, pelo celular ou aplicativo. Para todas as opções é necessário fazer um breve cadastro no site da Caixa e seguir algumas etapas;

  1. Informe o número do PIS/PASEP e selecione a opção “definir senha”
    2. Confirme que aceita o regulamento
    3. Preencha os seus dados pessoais
    4. Cadastre uma senha

Em pouco tempo você receberá uma confirmação de cadastro e logo depois poderá consultar o extrato na plataforma que preferir.

Quem é correntista da Caixa Econômica Federal tem o seu FGTS vinculado e pode usar o aplicativo do banco para fazer consultas.

Categorias
Carlos Alberto Alencar Destaque2

Mais de 80 milhões de brasileiros possuem ao menos uma compra parcelada

Dividir o valor de uma compra em várias prestações é um hábito comum do consumidor brasileiro. Um levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais revela que mais da metade dos brasileiros adultos (53%) possuía alguma compra parcelada no último mês de março.

Isso significa que, aproximadamente, 82,7 milhões de brasileiros estão com ao menos parte do orçamento comprometido para pagar compras feitas no cartão de crédito, cartão de loja, crediário ou cheque pré-datado. O assunto foi destacado no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), pelo jornalista, Carlos Alberto Alencar.

O comentarista relata que quase um terço (31%) das pessoas ouvidas disse estar livre de compras parceladas, mas outros 16% não souberam responder quantas prestações tiveram para pagar no último mês.

Em média, os consumidores que possuem alguma compra parcelada demorarão cinco meses para que as prestações sejam totalmente quitadas. Esse tempo mais do que dobra quando se trata de empréstimos (11 meses) e dos financiamentos (12 meses).

Confira a análise completa clicando no player abaixo: