Categorias
Esporte Deu Zebra Destaque3

Final de semana dos cearenses: frustração alvinegra e tricolor; estreantes de sucesso e um belo resultado Coral

Dos times cearenses que estiveram em campo nesse final de semana, apenas o Ferroviário e o Atlético-CE conseguiram sair com a vitória; o Floresta arrastou um empate com o Santa Cruz de Natal; e Ceará e Fortaleza não conseguiram êxito pela terceira rodada do Brasileirão série A – os times somam, com isso, uma vitória e duas derrotas, resultados que não refletem o que os cearenses vêm mostrando em campo.

Tubarão gera boas expectativas com vitória

Diante do Santa Cruz, o Tubarão não tomou conhecimento e goleou o rival por 3 a 0. Os gols foram marcados por Leanderson, Caxito e Léo Jaime. Com dois gols logo no primeiro tempo, o time coral só administrou o jogo e, na segunda etapa, fechou o placar. Uma bela atuação que deixou a torcida animada e na expetativa para o próximo confronto, quando o Ferrão visita o Náutico, nos Aflitos.

Atlético começa bem

Um dos estreantes do final de semana, o Atlético-CE começou com vitória na Série D do Brasileiro. No estádio Presidente Vargas, o time bateu o Central de Caruaru por 1 a 0, com gol de Dudu Itapajé, de cabeça, no finalzinho do jogo: aos 40 minutos. Mesmo com o bom resultado o técnico Luan Carlos deixou claro que não gostou do desempenho do time em campo. De qualquer forma, a vitória foi muito celebrada pelos torcedores e equipe!

Estreante arrasta bom empate fora de casa

O Floresta foi o segundo estreante na Série D com um bom resultado: empate fora de casa. Diante do Santa Cruz-RN, na Arena das Dunas, o estreante começou atrás, mas buscou o resultado e somou o primeiro ponto dentro do Grupo A4. Paulo Vyctor foi o responsável pelo resultado, que deixa as duas equipes empatadas na vice-liderança. Agora, o Floreste encara o River, em casa (Domingão), neste sábado (11), às 16 hrs.

Fortaleza não consegue surpreender o Fogão

O Fortaleza jogou contra o Botafogo fora de casa, no Engenhão, e, mesmo se comportando bem em campo, perdeu de 1 a 0. O Fogão aproveitou as chances e alcançou a segunda vitória no campeonato. Com isso, o Leão sofreu a segunda derrota – as duas fora de casa – e conta com uma vitória, na última rodada. A torcida Tricolor reclama, ainda, de um pênalti não marcado em favor do Leão. O Fortaleza manteve os três pontos e está na 15ª posição da tabela.

Ceará joga bem, mas não transforma resultado em vitória

Mais uma vez, o Ceará apresentou um bom futebol mas não conseguiu transformar as boas jogadas em resultado. O Alvinegro saiu na frente do Atlético-MG, com gol de Ricardo Bueno, no primeiro tempo, mas levou o empate com menos de dois minutos. No segundo tempo, o Vozão foi para cima – mudou os jogadores da frente, colocando Bergson e o estreante Matheus Gonçalves, mas foi o Galo quem surpreendeu, com gol no último minuto.

Categorias
Esporte Deu Zebra

Como foi e como fica as semifinais do Cearense

Na primeira partida das semifinais do Campeonato Cearense 2019: emoção, zebra?, reviravoltas e expectativa para o segundo confronto. Assim, Ceará, Fortaleza, Floresta e Guarany de Sobral se apresentaram aos torcedores nessa que foi a primeira fase da decisão para levantar a taça de campeão cearense de 2019.

Guarany de Sobral x Fortaleza

Com gol do atacante Osvaldo, o Leão bateu o Guarany, no Estádio do Junco. O gol foi marcado ainda no primeiro tempo e deu a tranquilidade necessário ao Tricolor. O Rubronegro cearense mostrou limitações no setor de meio campo e não chegou a assustar o Leão. O Fortaleza teve, ainda, um pênalti marcado a seu favor, mas a arbitragem voltou atrás e anulou.

Para o segundo confronto, o Tricolor pode perder por até um gol de diferença que ainda estará com a vaga na decisão.

Floresta x Ceará

Certamente, o jogo mais emocionante da quarta-feira (28). Por um lado, o Floresta adotou um jogo inteligente e cirúrgico no setor de ataque. O time chegou a abrir dois gols de vantagens, mas o Vozão conseguiu alcançar o empate. O Verdão não teve experiência e nem físico para segurar o placar. No segundo tempo, Lisca alterou apenas a postura do Vovô e conseguiu tirar o revés. No final das contas, ambos ficaram no 2 a 2.

No segundo confronto, agora, no Castelão, o Alvinegro pode empatar que se classifica – a primeira colocação no Campeonato dá a vantagem que pode solucionar o embate.

Categorias
Esporte Deu Zebra

Como os times chegam para as semifinais do Cearense

Os primeiros confrontos das semifinais do Campeonato Cearense começam nesta quarta-feira (27) – Ceará x Floresta, Fortaleza x Guarany de Sobral. Os jogos marcam a reta final de uma competição cheia de surpresas e expectativas para o resto do ano.

Dentro de campo, os técnicos das duas equipes que disputarão a Série A em 2019 têm dores de cabeça pela frente. Se por um lado, as dúvidas de Lisca são por bons motivos, por outro, Rogério Ceni não contará com seis de seus jogadores.

Do outro lado, Floresta e Guarany não eram nem de longe os favoritos para chegar às semifinais. Na reta final, arrancaram arrancaram os resultados necessários e deixaram os concorrentes para trás. Agora, prometem dar trabalho aos grandes da Capital.

Ceará

As últimas atuações do atacante Ricardo Bueno dão uma boa dor de cabeça para o técnico Lisca. O jogador, agora, é a cara de gol do torcedor alvinegro. Questionado sobre o assunto, o técnico não garantiu, mas deu a entender (e muito) que Bueno será o dono do ataque: “ele está pedindo passagem“.

Fortaleza

Ceni terá cinco desfalques consideráveis para escalar o Tricolor. O zagueiro Juan Quintero e o lateral-esquerdo Carlinhos, suspensos; os laterais Tinga e Bruno Melo (departamento médico); e o zagueiro Nathan Ribeiro, por lesão. A boa novidade no Leão é a volta do volante Felipe.

Floresta

Os velozes Thalison e Renê são as principais marcas para tentar desbancar os adversários. Na grande área, o técnico Paulinho Kobayashi conta com a volta de Paulo Vyctor, que se junta a Erison para tentar balançar a rede adversária. Dessa vez, o embate com o Vozão será solo irregular do Domingão (o que pode beneficiar o Floresta).

Guarany de Sobral

A maior surpresa nas semifinais aposta no mando de campo para surpreender o Leão. Desde que o técnico Gilmar Silva assumiu o comando, o Cacique só ganha diante da torcida. Assim, o que se espera é que o jogo desta quarta esteja tomado por rubro-negros. O atacante Waldison, que vem marcando gols decisivos, poderá contar com até 5 mil torcedores.

Categorias
Sem categoria Esporte Deu Zebra

Ceará empata em casa e vê Floresta encostar; Fortaleza se volta para o Nordestão

O Vozão recebeu o Atlético Cearense nesta quarta-feira na arena Castelão e deixou escapar a oportunidade de passar mais uma rodada tranquilo na primeira posição do estadual. Isso porque, com o empate, permitiu que o Atlético continuasse brigando firme na parte de cima da tabela e o Floresta, que vem em uma crescente e venceu a equipe do Barbalha dentro de casa pelo placar de 1×0, agora está a dois pontos do alvinegro.

Diante de quase 5 mil pessoas, o Ceará até saiu na frente, com gol de Roger logo no comecinho do jogo, aos três minutos do primeiro tempo. Mas, o banho de água fria veio no segundo tempo, quando Dudu Itapajé empatou para o Atlético ao 40 minutos.

Após o empate, o técnico do Vozão, Lisca, chamou o técnico do Atlético-CE, Luan Carlos, de “babaca”. A imprensa presenciou a cena. Em entrevista, Lisca não negou, mas alegou que Luan Carlos ficou comemorando de forma muito eufórica à beira do campo, o que o próprio técnico do Ceará costuma fazer sempre.

Já o Fortaleza retira um pouco o foco do Cearense e se volta agora para a Copa do Nordeste, isso porque a equipe de Rogério Ceni irá receber o Confiança pela competição e buscará justamente isso: recuperar a confiança do time.

O Leão vem de um empate com o Bahia pela Copa do Nordeste, dentro de casa, pelo placar de 2×2; e uma derrota de 1×0 contra o Horizonte no estádio Domingão. Há 4 jogos sem vencer, o tricolor precisa dar uma resposta e se mostrar competitivo, pois irá disputar a Série A do Campeonato Brasileiro novamente após 13 anos, desses, sendo 8 na Série C.

Na Copa do Nordeste, o Fortaleza é o segundo lugar do grupo A, atrás apenas do Santa Cruz, enquanto o Confiança é o sexto do grupo B.

Para este jogo foi escalado um trio de arbitragem do Maranhão. Paulo José Souza Mourão conduzirá o jogo e terá como assistentes Raphael Max Borges Pereira e Raelson Almeida. Glauco Nunes Feitosa será o quarto árbitro.

Ton Silva