Categorias
Saúde Destaque3

Inscrições da segunda fase do Mais Médicos começam nesta segunda-feira

As inscrições para a 2ª fase do edital do Programa Mais Médicos, agora destinadas a brasileiros formados no exterior, ficam abertas a partir desta segunda-feira (8). Os profissionais interessados em aderir ao programa terão entre os dias 8 e 12 de julho para fazer a inscrição.

As inscrições terão que ser feitas exclusivamente pela internet, através do Sistema de Gerenciamento de Programas (SGP). Os médicos que tiveram as inscrições concluídas na 1ª fase do edital, terão um prazo para se apresentarem nas cidades escolhidas terminou no dia 28 de junho.

Os números consolidados dos médicos homologados e a lista dos municípios com vagas preenchidas serão divulgados a partir de hoje no site do programa.

Os municípios contemplados neste edital são de áreas historicamente com maiores dificuldades de acesso – a exemplo das ribeirinhas, fluviais, quilombolas e indígenas – e que dependem do atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS).

As pessoas que vivem nas áreas mais vulneráveis do Brasil terão um reforço na assistência à Atenção Primária pelo Programa Mais Médicos a partir deste mês. Até o momento, 1.481 profissionais brasileiros já começaram a atuar nas unidades de saúde.

(*) Com informações da Agência Brasil. 

Categorias
Saúde

Governo vai apresentar programa para substituir Mais Médicos próxima semana

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, vai apresentar a parlamentares e instituições da área médica a proposta de um novo programa para substituir de forma gradual o Mais Médicos, a partir da próxima semana. A ideia é discutir o novo programa e ouvir sugestões e críticas. A informação é do secretário de Atenção Primária à Saúde, Erno Harzeheim, que participou hoje (13) de audiência pública na Câmara dos Deputados.

É determinação desde o início dessa gestão do ministro Mandetta que montássemos um novo programa em substituição gradual ao Mais Médicos. Esse programa está em fase final de elaboração. A partir da próxima semana o ministro vai começar a fazer diversas audiências com congressistas para mostrar o que fizemos e colher, ainda de maneira não publica, opiniões, críticas e sugestões, explicou Harzeheim.

Umas das mudanças que o novo programa trará será a adoção de critérios mais objetivos e transparentes para definir a distribuição dos médicos, de acordo com o secretário. A substituição do Mais Médicos ocorrerá de forma gradual e os atuais contratos dos profissionais serão mantidos até o final.

O secretário acrescentou que o novo programa aborda os eixos que precisam ser enfrentados para que haja mais e melhores médicos trabalhando na atenção primária e na saúde da família. Entre as medidas, o secretário defende o provimento de médicos em municípios pequenos, afastados dos grandes centros e também junto às populações mais vulneráveis das cidades maiores.

Os dados do Ministério da Saúde apresentados na audiência pública mostram que atualmente o Programa Mais Médicos tem 14.101 médicos ativos. Com atual edital aberto para o preenchimento de 2.149 vagas, a previsão é que, em julho, o número total de profissionais chegue a mais de 16 mil.

Categorias
Welton Silva FM 106,5

Nova versão do Mais Médicos deve ter faixa de salário maior em áreas remotas

Categorias
Saúde Destaque2

Mais Médicos abre novo edital com 245 vagas para 105 municípios cearenses

O Ministério da Saúde (MS) abriu inscrições para a nova etapa do Programa Mais Médicos, que prioriza municípios com altos índices de vulnerabilidade social. Os candidatos podem se inscrever entre os dias 27 e 29 de maio, pela internet.

Ao todo, são 245 vagas em 105 municípios do Ceará. Os médicos participantes recebem bolsa-formação mensal de R$ 11.865,60. Em todo o país, são cerca de 2 mil vagas.

Os profissionais devem atender as populações de áreas historicamente com maiores dificuldades de acesso,como as ribeirinhas, fluviais, quilombolas e indígenas, além das que dependem do atendimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Os médicos devem começar a atuar na Atenção Primária desses municípios a partir de junho.

Segundo o Ministério da Saúde (MS), a prioridade é para participação de médicos formados e habilitados com registro em qualquer Conselho Regional de Medicina do Brasil. Também vão ser levados em conta critérios de classificação como títulos de especialista ou residência médica em medicina da família e comunidade.

Entre os municípios cearenses que receberão o programa, Sobral terá 12 vagas, Pentecoste conta com 11 vagas, e Maranguape, Santana do Acaraú e Novo Oriente com 5 vagas cada.

 

 

Categorias
Saúde

Novo prazo para médico brasileiro formado no exterior escolher vaga no Mais Médicos

Ao todo, 10.205 profissionais brasileiros e estrangeiros com habilitação para exercício da Medicina no exterior completaram a inscrição no Mais Médicos Inicialmente, estão disponíveis 842 vagas em 287 municípios e 26 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI).

Os postos abertos são referentes a localidades não ocupadas na segunda seleção para os profissionais que possuem registro (CRM) no Brasil. 

Segundo Ministério da Saúde, 10.205 profissionais brasileiros e estrangeiros com habilitação para exercício da medicina no exterior (sem registro no Brasil) completaram a inscrição no Mais Médicos. As documentações ainda estão em análise. 

De acordo com o Ministério da Saúde, a publicação da validação dos médicos brasileiros aptos à escolha de municípios está prevista para ser divulgada no dia 22 de janeiro. Posteriormente, no dia 29, sairá o resultado dos médicos estrangeiros.