Categorias
Interior Destaque3

Segunda fase da Operação Labirinto prende quatro pessoas e recupera bens avaliados em R$ 4 milhões

A Polícia Civil do Ceará deflagrou uma operação que esultou na prisão de quatro pessoas e na recuperação de bens avaliados em mais de R$ 4 milhões em Fortaleza, Baturité, Capistrano e Itapiúna. Entre os bens apreendidos e recuperados estavam oito veículos, oito empresas, um apartamento, um terreno situado em um condomínio de luxo e uma carta de crédito no valor de 400 mil reais.

A operação, deflagrada nessa quarta-feira, é uma ação integrada da Delegacia Municipal de Quixeramobim, com apoio da Coordenadoria de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

De acordo com a polícia, o trabalho que faz parte da segunda fase da Operação Labirinto, é resultado de uma série de investigações sobre o envolvimento de integrantes de uma organização criminosa com o tráfico de drogas e outras práticas ilícitas.

A 1ª fase da operação foi deflagrada em abril deste ano e resultou no cumprimento de 80 mandados de prisão e outros 53 mandados de busca contra suspeitos de participar de uma organização criminosa atuante em cidades da região do Sertão Central cearense.

Categorias
Interior

Operação da Polícia Civil prende irmão do prefeito de Nova Olinda e diretor do Demutran

O irmão do prefeito de Nova Olinda, o secretário de urbanismo, João Paulo Sampaio foi preso na manhã desta sexta-feira (24), suspeito de participar de um esquema de fraudes no Departamento Municipal de Trânsito (Demutran). Além do irmão do prefeito, o diretor do órgão, Kedyson Queiroz da Silva, também foi detido. As investigações começaram no fim de 2018.

Os dois foram capturados na Operação Sinal Verde, da Polícia Civil, que cumpre cinco mandados de busca e apreensão. Segundo o titular da Delegacia Regional do Crato, Luiz Eduardo da Costa Santos, os agentes investigam documentos e computadores na sede do Demutran e em alguns depósitos monitorados pelo órgão de trânsito. A fraude consistia na venda e na liberação irregular dos veículos apreendidos. Ainda segundo o delegado, a dupla agia em conjunto, mas há a possibilidade do envolvimento de outras pessoas.

Nós recebemos algumas denúncias de alguns cidadãos e de alguns servidores municipais no que diz respeito à entrega de veículos de forma irregular e na retenção de veículos de forma irregular. Duas pessoas que fazem ou deveriam gerir o órgão estavam negociando esses veículos, explicou o delegado.

A prefeitura de Nova Olinda informou em nota que os dois servidores foram exonerados em consequência da operação desta manhã. O prefeito Afonso Sampaio determinou à Procuradoria Geral do Município a abertura de processo administrativo para apuração das condutas dos servidores.

O prefeito ressalta que aguardará a conclusão das investigações para a adoção de outras medidas que se fizerem necessárias, encerrou a nota divulgada pela prefeitura do município.

Categorias
Interior

Golpe no Whatsapp: Polícia Civil de Juazeiro está em alerta

Um novo golpe tem deixado a Polícia Civil em alerta. Criminosos estão clonando o contato dos usuários no aplicativo Whatsapp e pedem transferências bancárias a amigos e familiares das vítimas, por mensagem, em Juazeiro do Norte.

Uma das vítimas relata que iniciou uma conversa com uma amiga e durante a troca de mensagens, a colega solicitou um depósito de R$ 1.700. A ação foi interrompida quando a vítima recebeu uma mensagem enviada a partir de outro número, explicando a situação.

O delegado Juliano Marcula aponta que a ação trata-se de estelionato e orienta que a população tenha cuidado e desconfie de solicitações através do aplicativo.

Categorias
Policial

Operação da Polícia Civil afasta servidores suspeitos de corrupção em Aracati

Nesta quarta quarta-feira, cinco servidores investigados por corrupção foram afastados de suas funções públicas após uma operação da Polícia Civil, em Aracati. O objetivo da ação era o desmonte de um esquema que funcionava na Guarda Municipal e no Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) do município.

Na operação, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão, que resultaram na apreensão de computadores e pastas com documentos. O material foi recolhido em residências e locais de trabalho dos suspeitos.

A Secretaria de Segurança informou que cerca de 50 policiais civis da região e dos Departamentos de Polícia do Interior Sul e Técnico Operacional (DTO) participaram da operação policial. As ações foram realizadas nos bairros Centro, Pedregal, Nossa Senhora de Lourdes e em Fortim.