Categorias
Esporte Deu Zebra

Como foi e como fica as semifinais do Cearense

Na primeira partida das semifinais do Campeonato Cearense 2019: emoção, zebra?, reviravoltas e expectativa para o segundo confronto. Assim, Ceará, Fortaleza, Floresta e Guarany de Sobral se apresentaram aos torcedores nessa que foi a primeira fase da decisão para levantar a taça de campeão cearense de 2019.

Guarany de Sobral x Fortaleza

Com gol do atacante Osvaldo, o Leão bateu o Guarany, no Estádio do Junco. O gol foi marcado ainda no primeiro tempo e deu a tranquilidade necessário ao Tricolor. O Rubronegro cearense mostrou limitações no setor de meio campo e não chegou a assustar o Leão. O Fortaleza teve, ainda, um pênalti marcado a seu favor, mas a arbitragem voltou atrás e anulou.

Para o segundo confronto, o Tricolor pode perder por até um gol de diferença que ainda estará com a vaga na decisão.

Floresta x Ceará

Certamente, o jogo mais emocionante da quarta-feira (28). Por um lado, o Floresta adotou um jogo inteligente e cirúrgico no setor de ataque. O time chegou a abrir dois gols de vantagens, mas o Vozão conseguiu alcançar o empate. O Verdão não teve experiência e nem físico para segurar o placar. No segundo tempo, Lisca alterou apenas a postura do Vovô e conseguiu tirar o revés. No final das contas, ambos ficaram no 2 a 2.

No segundo confronto, agora, no Castelão, o Alvinegro pode empatar que se classifica – a primeira colocação no Campeonato dá a vantagem que pode solucionar o embate.

Categorias
Esporte Deu Zebra

Como os times chegam para as semifinais do Cearense

Os primeiros confrontos das semifinais do Campeonato Cearense começam nesta quarta-feira (27) – Ceará x Floresta, Fortaleza x Guarany de Sobral. Os jogos marcam a reta final de uma competição cheia de surpresas e expectativas para o resto do ano.

Dentro de campo, os técnicos das duas equipes que disputarão a Série A em 2019 têm dores de cabeça pela frente. Se por um lado, as dúvidas de Lisca são por bons motivos, por outro, Rogério Ceni não contará com seis de seus jogadores.

Do outro lado, Floresta e Guarany não eram nem de longe os favoritos para chegar às semifinais. Na reta final, arrancaram arrancaram os resultados necessários e deixaram os concorrentes para trás. Agora, prometem dar trabalho aos grandes da Capital.

Ceará

As últimas atuações do atacante Ricardo Bueno dão uma boa dor de cabeça para o técnico Lisca. O jogador, agora, é a cara de gol do torcedor alvinegro. Questionado sobre o assunto, o técnico não garantiu, mas deu a entender (e muito) que Bueno será o dono do ataque: “ele está pedindo passagem“.

Fortaleza

Ceni terá cinco desfalques consideráveis para escalar o Tricolor. O zagueiro Juan Quintero e o lateral-esquerdo Carlinhos, suspensos; os laterais Tinga e Bruno Melo (departamento médico); e o zagueiro Nathan Ribeiro, por lesão. A boa novidade no Leão é a volta do volante Felipe.

Floresta

Os velozes Thalison e Renê são as principais marcas para tentar desbancar os adversários. Na grande área, o técnico Paulinho Kobayashi conta com a volta de Paulo Vyctor, que se junta a Erison para tentar balançar a rede adversária. Dessa vez, o embate com o Vozão será solo irregular do Domingão (o que pode beneficiar o Floresta).

Guarany de Sobral

A maior surpresa nas semifinais aposta no mando de campo para surpreender o Leão. Desde que o técnico Gilmar Silva assumiu o comando, o Cacique só ganha diante da torcida. Assim, o que se espera é que o jogo desta quarta esteja tomado por rubro-negros. O atacante Waldison, que vem marcando gols decisivos, poderá contar com até 5 mil torcedores.