Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O sertão do Ceará voltou a apresentar abalos sísmicas nessa quinta-feira (25), segundo dados do Laboratório Sismológico da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LabSis/UFRN). A cidade atingida pelo tremor de magnitude 3.2 foi Quixeramobim. Na última quarta-feira (24), foram contabilizados mais de 100 abalos nas cidades de Madalena, Quixeramobim e Boa Viagem. Desde o dia 17 de março deste ano, o LabSis registrou mais de 1.200 tremores na região.

De acordo com o laboratório, o abalo em Quixeramobim foi registrado às 21h44 e sentido nas localidades de Fogareiro, São Joaquim, Agrovila de Passagem, Carnaubinha, Veneza do distrito de Manituba, Poço Cercado do distrito de Damião Carneiro e povoado de Pau Ferro.

A Defesa Civil de Madalena afirma que além de Quixeramobim, há relatos de tremores também em diversas localidades de Madalena e Boa Viagem, cidades do Sertão Central. Em nota, o órgão comunicou que o município está em alerta e fazendo monitoramento da situação. De acordo com o sismólogo Eduardo Menezes, do LabSis, este é um momento de muita atenção, pois a atividade sísmica da região pode parar de repente ou gerar um terremoto de maior magnitude.