Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A exposição “Imagens que Ardem”, sobre o regime militar no Brasil, será aberta, nesta sexta-feira (19), às 11h, na sede do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), bairro Cambeba, em Fortaleza. A mostra, parceria com o Museu da Fotografia de Fortaleza, ficará durante um mês na sede do Judiciário estadual.

A visitação é gratuita e poderá ser feita de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, no hall do 1º andar. São 50 fotografias de Evandro Teixeira, Juca Martins e Orlando Brito, que retratam fatos marcantes da política brasileira durante governos militares (1964 a 1985).

Para o curador do trabalho, Silas de Paula, trata-se de “uma descrição aguda e pessoal da ditadura militar onde as relações imaginárias entre o real e o que a foto mostra e o que o sujeito viveu, fundem-se e revelam que abolir o dissenso é banir a subjetivação política”. Ele considera também que “o papel da fotografia como um dispositivo de documentação e representação serve para testemunhar”.

A exposição já esteve na Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec), de 20 de julho a 31 de agosto deste ano. Existe previsão para que a mostra itinerante chegue também, posteriormente, ao Fórum Clóvis Beviláqua.

SERVIÇO
Evento: exposição “Imagens que Ardem” no TJCE
Abertura: 19/10, às 11h
Visitação: segunda a sexta-feira, das 8h às 17h (durante um mês)
Local: hall do 1º andar do TJCE
Endereço: av. Gal. Afonso Albuquerque Lima, S/N, Cambeba
Entrada: gratuita

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp