Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A 13ª Promotoria de Justiça de Caucaia realizou uma inspeção, nessa quarta-feira (4), na Unidade Municipal de Acolhimento Institucional Clodoaldo Gomes Martins Filho para verificar in loco as reformas realizadas na infraestrutura após Procedimento Administrativo (PA) do Ministério Público do Ceará (MPCE) instaurado com o objetivo de minorar os diversos conflitos que vinham acontecendo no interior do abrigo.
Segundo a promotora de Justiça Camila Leitão, foi constatado que a reforma e ampliação da respectiva unidade foi realizada com sucesso, tendo o Município de Caucaia prontamente atendido ao que se comprometeu, e a instituição agora tem: jardim paisagístico, salas de atendimento, de coordenação, de pedagogia e destinada à equipe técnica, todas climatizadas; espaço destinado a brincadeiras interativas com as crianças, dois berçários sendo um para bebês de zero a um ano e outro para bebês maiores de um ano, também climatizados e todos os quartos dos acolhidos possuem televisão com acesso à internet.
“Fiquei até emocionada da beleza que está o abrigo. Foi todo reformado e ampliado, tendo sido inaugurada a parte ampliada no dia 7 de agosto. Os adolescentes agora estão separados das crianças. Tudo em decorrência de um PA que eu instaurei na Promotoria, de ofício, para realização dessa reforma e ampliação. Existem dois berçários climatizados, as salas todas são climatizados, tem jardim e espaço de lazer para as crianças e a equipe está completa com 39 funcionários”, comemora a promotora de Justiça.
(*)com informação do MPCE
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp