Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Durante o primeiro semestre deste ano, os desembargadores que integram a 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) julgaram 1. 108 processos em 22 sessões ordinárias. O balanço foi fornecido pela Coordenadoria do órgão julgador.

Entre as ações julgadas, constam 607 habeas corpus, representando um percentual de 54,78% das causas. Também foram contabilizadas 301 apelações; 129 recursos em sentido estrito; 39 embargados declaratórios; 17 agravos de execução penal; 7 mandados de segurança; 6 conflitos de jurisdição; um agravo regimental; e uma exceção de suspeição.

O colegiado é composto pelos desembargadores Haroldo Correia de Oliveira Máximo (presidente), Francisca Adelineide Viana, Francisco Martônio Pontes de Vasconcelos, além da juíza convocada Maria do Livramento Alves Magalhães, que substituiu o desembargador Francisco Gomes de Moura, removido para a 2ª Câmara de Direito Privado. A mudança do magistrado foi aprovada pelo Órgão Especial do TJCE, em sessão realizada no dia 4 de maio. Os trabalhos são coordenados por Maria Celeste Moreira Neta.

Representaram o Ministério Público do Ceará durante as sessões: Alcides Jorge Evangelista Ferreira, Pedro Casimiro Campos de Oliveira, Francisco Marques Lima, Miguel Ângelo de Carvalho Pinheiro, Vera Maria Fernandes Ferraz e Eulério Soares Cavalcante Júnior. A Defensoria Pública também foi representada por Sandra Dond Ferreira e Lígia Soares Falcão.

As sessões ordinárias da 2ª Câmara Criminal ocorrem às quartas-feiras, a partir das 13h30, no 1º andar do TJCE, localizado no bairro Cambeba, em Fortaleza.

Com informação do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp