Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

“O Tribunal de Contas da União estima que a Previdência gasta R$ 56 bilhões por ano com fraudes e erros, informa O Globo. Um em cada dez benefícios são pagos com irregularidades. Sem fraudes e erros, o déficit de R$ 185,8 bilhões para fechar a conta do governo em 2017 poderia ser 30% menor” – Antagonista

Bye, bye Brasil

Quem resolveu deixar o Brasil por causa da crise não pensa em voltar, e o número de famílias que sai para outros países continua crescendo. Os vistos de imigrante concedidos pelo governo norte-americano a brasileiros somaram 3.287 no ano passado. É o dobro do registrado em 2014.

So far way

“Não tem um mês em que a gente não converse com outras pessoas que querem saber o passo a passo para vir para cá”, diz a empresária Vivian Mayrink Cirillo, que se mudou com o marido e os três filhos para a cidade de Weston, na Flórida (EUA), há dois anos e meio. “A fase de transição já passou, e a ideia de voltar vai ficando cada vez mais longe”, diz ela, que mantém sua empresa de gestão de marcas no Brasil.

Já era

O economista português Vasco Severo, que voltou para Lisboa depois de quatro anos no Brasil, também não pensa em retornar. “Quando cheguei ao Brasil, era muito contatado por portugueses que queriam ir para aí. Agora são os brasileiros que me escrevem a querer vir para cá”, afirma. “O Brasil saiu do radar dos jovens qualificados que buscam trabalho”, afirma o economista.

Desiguais

Segundo economistas, alguns efeitos da longa recessão podem perdurar por muito tempo. Sergio Firpo, pesquisador do Insper, ressalta que a crise afetou de maneira desigual os brasileiros. “A recessão foi mais severa para os mais jovens e os menos escolarizados. Certamente isso terá efeito sobre a desigualdade.”

Perdas e danos

Segundo o professor, estudos mostram efeitos também sobre os jovens que entram no mercado de trabalho durante uma crise econômica. “É uma geração que terá impacto sobre os salários, a saúde, que vai ter perdas em relação a outras gerações que não passaram por isso.”

Bandidão

Condenado a 14 anos e dois meses de prisão por Sérgio Moro, Sérgio Cabral responde a outros 14 processos, número superior aos dos principais chefes do tráfico de drogas do Rio de Janeiro. O mais conhecido deles, “Fernandinho Beira-Mar”, do Comando Vermelho (CV), foi condenado em 12 ações penais. Também líderes do CV, “Isaías do Borel” e “Marcinho VP”, foram punidos em seis processos cada um. O levantamento foi feito pelo El País Brasil.

Nas caladas

Em uma atitude que tem se tornado rotina nos últimos tempos, Michel Temer participou na tarde de sábado (19) de reunião não registrada em sua agenda oficial. Ele se deslocou do Palácio do Jaburu para se encontrar com os presidentes do Tribunal Superior Eleitoral, Gilmar Mendes, e da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), na casa deste último.

Segredo

O Palácio do Planalto confirmou o encontro, mas não disse o que foi discutido. A de Gilmar afirmou que o tema foi a reforma política em debate no Congresso e o parlamentarismo, sistema de governo defendido por Temer e por alguns líderes de partidos governistas. O encontro também não foi registrado nas agendas dos presidentes da Câmara e do TSE.

Useiros

Temer e Gilmar já se encontraram outras vezes sem registro oficial em suas agendas. No último dia 8 o presidente da República recebeu também fora da agenda a futura procuradora-geral da República, Raquel Dodge. A visita veio a público após ser registrada por um cinegrafista da TV Globo, por volta das 22h.

Só lembrando

O episódio em que Temer ficou sob ameaça de perder o cargo – a conversa gravada pelo empresário Joesley Batista, da JBS – também ocorreu no final da noite, fora da agenda oficial da Presidência da República.

Para todos os gostos

Um trator para uma associação rural no interior do Paraná, um campo de futebol em uma vila em Roraima e um terminal de ônibus na cidade mineira de Guaxupé serão parte dos gastos de mais de R$ 4 bilhões com emendas parlamentares empenhadas (reservadas) pelo governo Temer em meio à crise. Deputados federais agraciados com essas verbas comemoraram em suas bases a liberação e fizeram propaganda dos recursos obtidos.
Diz aí Majucaí!

Édio Lopes (PR-RR) gravou um vídeo sobre o projeto de um campo de futebol para uma vila rural no município de Mujacaí (de 15 mil habitantes) onde sua mulher é prefeita. “Com alambrado, arquibancada, luminária, para que possam praticar futebol à noite”, disse, na gravação. A verba, de R$ 700 mil, foi empenhada no fim de maio.

Enquanto isso

Contrariando sua promessa, Temer deixou sem recursos as ações de combate ao trabalho escravo e ao trabalho infantil. A informação é do Blog do Sakamoto, que é especializado no assunto. Todas as fiscalizações fora de capitais e cidades com escritório regional do Ministério Público do Trabalho estão suspensas. A fiscalização de acidentes de trabalho que envolvem mortes e a situação de emprego de pessoas com deficiência também foi interrompida.

Pindaíba

Não há recursos para combustível, veículos, deslocamento aéreo, diárias de hospedagem e alimentação dos funcionários públicos. A fiscalização do trabalho escravo e infantil já ficou ameaçada em julho deste ano, mas diante da repercussão negativa o Governo prometeu recursos para o setor. O dinheiro, todavia, não chegou.

Realidade sombria

Segundo a organização Repórter Brasil, de 1995 a 2015, 49.816 pessoas foram libertadas da escravidão no país. Já os números do trabalho infantil são ainda maiores: ele atinge 2,7 milhões de crianças e adolescentes no Brasil, segundo o IBGE.

Lar-doce-lar

Com 204 audiências de instrução e julgamentos agendados, em Fortaleza e no interior, começa hoje (21) a “VIII Semana pela Paz em Casa”, segundo dados fornecidos pela Coordenadoria Estadual da Mulher do Tribunal de Justiça do Ceará. O objetivo é concentrar esforços para intensificar o julgamento de casos envolvendo violência doméstica e familiar. Além da realização de audiências e julgamentos, também serão promovidas atividades de esclarecimento à população sobre a violência doméstica. A força-tarefa segue até o dia 25.

Para tudo

Por causa da semana, foram suspensos o atendimento às partes no Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, durante o mesmo período, ao público em geral, os prazos processuais, bem como as publicações de sentenças, decisões e intimações das partes e advogados, com exceção de atos processuais de natureza urgente e necessários à preservação de direitos.

Economia em debate

O jornalista Carlos Alberto Sardenberg, comentarista econômico dos programas noticiosos da CBN, do Jornal das Dez (da Globonews), e do Jornal da Globo, da TV Globo, além de colunista do jornal O Globo, é o convidado de hoje do Fórum Ideias em Debate, promovido pela. O evento é gratuito e acontecerá no auditório Waldyr Diogo de Siqueira, no térreo da Casa da Indústria.

Lixo de ouro

Será realizada quarta e quinta-feira, no RioMar Fortaleza, a Feira Recicla Nordeste 2017, baseada em dois pilares: a economia circular e a cidade sustentável. Paralelamente à feira, acontece o Seminário de Reciclagem, Sustentabilidade e Meio Ambiente com palestras técnicas e de cunho educacional. O aumento da reciclagem de resíduos pode gerar R$ 200 milhões, somente no Ceará, segundo o Sindiverde.

Sustentabilidade

A economia circular mostra um novo momento em que se repensa a forma de produção dos mais variados itens, como também seu reaproveitamento e formas de reutilização, visando cada vez mais a sustentabilidade na forma de viver e de se produzir, englobando pessoas e empresas com o objetivo de uma produção que utiliza menos recursos, naturais ou não, renováveis ou não, gerando menos resíduos e poluentes.

Sustentabilidade 2

O tema cidade sustentável terá um espaço onde serão apresentadas por empresas, e órgãos governamentais, produtos, serviços, tecnologias e soluções para a sustentabilidade no ambiente urbano, para pessoas e empresas, com o objetivo de promover negócios e a sustentabilidade na total abrangência deste conceito.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp