Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Foto: Tobias Saldanha/Ceará Agora

Presente ao Encontro Estadual do PDT com os demais pré-candidatos à sucessão do Governador Camilo Santana (PT), realizado, na noite dessa sexta-feira, em Pacajus, o deputado federal Mauro Filho transmite convicção de que está no jogo para ser escolhido o nome da aliança governista ao Palácio da Abolição. Mauro disse que o candidato  será conhecido  no dia 2 de julho.

 ‘’Eu sou o único pré-candidato que mais visitas fez aos Municípios, com reuniões, debates e apresentação de projetos’’, expõe Mauro, que tem ligação com os irmãos Ferreira Gomes desde o início de 1989 quando, na administração do então prefeito de Fortaleza, Ciro Gomes, assumiu a Secretaria de Finanças do Município. Mauro conta que, até essa sexta-feira, percorreu, na condição de pré-candidato a Governador, pelo menos, 72 dos 184 municípios.

A resposta com o número de visitas foi dada após Mauro Filho ser questionado se o seu o projeto não estaria mais voltado a Brasília uma vez que, como principal nome da área econômica da campanha do presidenciável Ciro Gomes, a agenda exigiria mais presença no cenário nacional.

‘’Nada disso! Sou pré-candidato e já visitei 72 municípios’’, reafirma, com convicção,  Mauro, ao chegar ao lado do senador Cid Gomes, da vice-governadora Izolda Cela, do ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, e do presidente da Assembleia, Evandro Leitão, para o Encontro Estadual do PDT em Pacajus.

CÂMARA FEDERAL

Reeleito à Câmara, em 2018, com 157.510 votos, Mauro Filho, mesmo com a pré-candidatura ao Governo do Estado, mantém os colégios eleitorais que poderão proporcioná-lo a renovação do mandato em Brasília. A medida, que representa um plano ‘b’ na agenda política, recomenda contatos diários com os aliados no Interior que passaram a ser assediados por outros deputados federais que irão tentar a reeleição em 2022. Mauro não declina nomes, mas não esconde a tristeza com alguns correligionários que receberam a mão na hora da dor e, hoje, construíram um novo caminho embalados pelas verbas do Orçamento secreto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp