Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A Assembleia Legislativa realiza nesta sexta-feira (18), uma sessão solene em comemoração aos 110 anos do Departamento Nacional de Obras Contras as Secas (Dnocs). O evento atende requerimento da deputada Fernanda Pessoa (PSDB), subscrito pelos parlamentares Heitor Férrer (SD), Carlos Felipe (PCdoB) e Nelinho (PSDB).

A deputada informa que, inicialmente, foi criada a Inspetoria de Obras Contra a Seca (Iocs), primeiro órgão a estudar a problemática do semiárido.

O Dnocs recebeu ainda o nome de Inspetoria Federal de Obras Contra a Seca antes de assumir a denominação atual, conferida em 1945, quando foi transformado em autarquia federal, destaca.

Fernanda Pessoa pontua que, de 1909 até 1959, o Dnocs era a única agência governamental executora de obras de engenharia e, portanto, construiu açudes, estradas, portos, ferrovias, hospitais, etc.

Essa é a mais antiga instituição federal com atuação no Nordeste. Tem um papel relevante desempenhado com grande atuação e com sua marca impressa em cada palmo de chão da nossa região, ressaltou a parlamentar.

Serão homenageados seis servidores do departamento: o diretor geral do Dnocs, José Osvaldo Pontes; o diretor regional, Manfredo Cássio; o chefe de Serviço de Orçamento e Finanças, Antônio de Carvalho; o representante do Serviço Médico, Felizardo de Pinho; o engenheiro agrônomo Pedro Eymard; e Antônio Gouveia (in memorian), que foi chefe de Serviço de Orçamento e Finanças do órgão.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp