Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Até tu, Meirelles?!

Henrique Meirelles (Fazenda) recebeu pagamentos em conta no exterior por serviços prestados como consultoria, segundo reportagem do site Buzzfeed publicada nessa quarta-feira (26). De acordo com o site, as transações envolvem R$ 167 milhões três meses antes de ele assumir a pasta, em maio de 2016, e outros R$ 50 milhões, quatro meses depois de ocupar o posto.

Tem Friboi na linha

Entre os pagadores estão nomes como as empresas norte-americanas de investimento Lazard e KKR, além da J&F, da família de Joesley Batista. O site Buzzfeed questionou o ministro sobre o motivo pelo qual recebeu o dinheiro no exterior. A resposta por escrito, reproduzida pelo site, afirma que se tratava de uma conveniência para as empresas clientes, por serem empresas globais.

Lembrou Eduardo Cunha

Ainda segundo as respostas do ministro, os rendimentos registrados em 2015 referem-se a serviços prestados ao longo de quatro anos para várias empresas, em projetos de duração variável completados em 2015. O ministro também negou conflito de interesse justificando que os recursos são hoje administrados por um gestor independente, sem a sua interferência, figura conhecida como blind trust.

Experiência explica

Os valores, segundo as respostas do ministro, foram declarados no Imposto de Renda e são consistentes com a sua experiência. A atuação de Meirelles no Banco Original, anterior à sua chegada à pasta, foi mencionada na resposta do ministro como justificativa para as remunerações. O ministro não detalhou quanto recebeu, exatamente, de cada uma das empresas.

Passando o pires

Camilo Santana reuniu-se ontem (26), em Brasília, com o presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro, para liberar recursos para a construção da Linha Leste do Metrô de Fortaleza. O governador já havia se reunido, em fevereiro, com a então presidente do BNDES, Maria Sílvia Bastos, para tratar sobre o Metrofor. O Estado tem um financiamento de R$ 1 bilhão aprovado com o banco e aguarda a liberação dos recursos para a retomada da obra.

S.O.S. bancada

“Essa é uma das mais importantes obras de mobilidade urbana da história de Fortaleza. Já conversei com a bancada cearense, com os senadores, para que possamos fazer um apelo para o Governo Federal liberar esses recursos. Não vou medir esforços para viabilizar a retomada dessa obra”, afirmou Camilo Santana.

Linha Leste

Quando concluída, a Linha Leste do Metrô de Fortaleza terá 13,2 km de extensão, sendo 12,4 km subterrâneos e 0,8 km em superfície, ligando o bairro Tirol, passando pelo Centro até o Edson Queiroz. A linha, que está sendo implantada pelo Governo do Estado tem previsão de atender cerca de 400 mil usuários por dia, quando integrado aos demais modais de transporte.

Dono do cofre

Também na quarta-feira, em Brasília, Camilo reuniu-se com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para tratar sobre operações de crédito para o Ceará. O encontro contou com a participação da secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi.

Do erário

Um grupo de senadores e deputados federais deixou Brasília para se solidarizar com o ex-presidente Lula, em São Paulo. Agora, veio a novidade: a maioria utilizou passagens da VDP, mesmo não sendo missão oficial ou a serviço do Congresso Nacional. O Partido Rede acionou o Ministério Público para que a denúncia seja investigada. Provavelmente, os parlamentares terão que devolver o dinheiro ao erário.

Turma da bala

Presidenciável Jair Bolsonaro deve sair candidato a presidente da República, em 2018, pelo PSDC. Ele está deixando o PSC. O deputado federal pelo Rio de Janeiro tem se destacado nas últimas pesquisas de opinião pública. O PSDC é presidido no Ceará pelo deputado estadual Ely Aguiar, tipo como um dos integrantes da “bancada da bala” na Assembleia Legislativa, ao lado de Ferreira Aragão e Capitão Wagner.

Noiva

O PSB, que decidiu votar contra Temer, inclusive, nas denúncias da PGR, tem sido a noiva da política nacional na atualidade. São cinco senadores e 37 deputados federais (19 deles divergiram do partido). A bancada tem sido cortejada pelo PMDB, através do próprio presidente da República, e pelo DEM, por intermédio de Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados.

As flores

O soneto parnasiano do carioca Olavo Bilac, denominado de “Flor do Lácio”, exalta a importância e a valorização da língua portuguesa. Em discurso da tribuna da Assembleia Legislativa, a deputada Dra. Silvana (ainda no PMDB) citou que “é membra da Comissão de Saúde”. Alguns dicionaristas já oficializaram o termo como feminino de “membro”. Noutro momento, porém, a deputada Bethrose (PMB) falou sobre educação em São Gonçalo do Amarante e soltou um erro crasso “fazem quatro anos…”.

Obsessão

O Palácio da Abolição não descansou enquanto não extinguiu o Tribunal de Contas dos Municípios. A lamentar o posicionamento da deputada Silvana Oliveira, que defendia a manutenção do Tribunal aos quatro ventos, desde o começo do processo, porém, não suportou as benesses governamentais. Fernando Hugo, que também era contra a PEC, nem apareceu para votar. Triste…

Quadra política

Treinador da seleção brasileira masculina de vôlei por 16 anos – e com sucesso -, Bernardinho quer entrar na política e salvar o Rio de Janeiro da grave crise sócio-política. O irmão de Bernard (saque Jornal nas Estradas), Bernardinho se filiou ao Partido Novo, mas como é amigo pessoal do senador Aécio Neves, poderá ser candidato a governador pelo PSDB. Ele ainda não decidiu.

Refresco

Agricultores e pecuaristas com operações de crédito em atraso com o Banco do Nordeste contratadas entre 2012 e 2016 podem renegociar suas dívidas com prazo de pagamento até 2030 e carência até 2021. Resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN) estabelece o benefício para produtores rurais em locais onde foi decretada situação de emergência ou estado de calamidade pública em decorrência da estiagem. A medida vale para toda a área de atuação do BNB, que inclui o Nordeste e norte de Minas Gerais e do Espírito Santo. Mais de 95% dos beneficiados com a Resolução são agricultores familiares, mini ou pequenos produtores.

Atestado de importância

“Mais de mil municípios decretaram estado de calamidade e emergência por conta de estiagem, o que atesta a importância da Resolução em benefício dos produtores rurais que tanto sofreram com as perdas de suas safras nos últimos anos. A medida do CMN permitirá que os produtores regularizem seus financiamentos com os bancos e possam voltar a produzir, obter novos créditos e, principalmente, voltar a ter uma melhor condição de vida para si e suas famílias”, afirma o diretor Financeiro e de Crédito do Banco do Nordeste, Romildo Carneiro Rolim.

Desconto

Em 2016, foi publicada a Lei 13.340, que permite a regularização das dívidas contratadas até 2011. Aproximadamente 70 mil agricultores e pecuaristas já renegociaram créditos em atraso e tiveram descontos de até 95% em caso de liquidação. Os produtores rurais com dívidas contratadas entre 2012 e 2016 devem procurar suas agências de relacionamento do Banco do Nordeste para efetivar a renegociação.

Medalha de aço

Placas de aço exportadas pela Siderúrgica do Pecém destacam-se na balança comercial nordestina e já renderam US$ 482,3 milhões, no primeiro semestre do ano. O item já representa metade das exportações cearenses. Também apresentaram desempenho expressivo as exportações de alumina calcinada, no Maranhão; e de combustíveis e automóveis, em Pernambuco e na Bahia.

Crescimento

Em todo o Nordeste, as vendas para o exterior totalizaram US$ 8 bilhões, de janeiro a junho. O montante representa crescimento de 30,8% em relação ao mesmo período de 2016, e equivale a 7,4% do total das exportações brasileiras. Apesar do incremento, a balança comercial nordestina ainda acumula déficit de US$ 1,5 bilhão, quase a metade do valor computado em mesmo período do ano anterior (- US$ 3,1 bilhões).

Destino

Quanto aos países de destino das exportações nordestinas, China (20,5%), Estados Unidos (15,3%), Argentina (11,6%) e Holanda (5,4%) foram responsáveis por 52,8% do total exportado. Destes, apenas a Holanda reduziu suas compras (-1,8%) de janeiro a junho de 2017 frente ao mesmo período de 2016. As vendas externas para os demais países registraram expressivas taxas de crescimento: China (+36,7%), Estados Unidos (+33,7%) e Argentina (+34,0%).

Tocando em frente

O presidente do Conselho de Infraestrutura da FIEC, Heitor Studart, ressalta que o empresariado cansou de esperar pelas soluções políticas e arregaçou as mangas para produzir ao máximo e gerar emprego. Studart viajou a Brasília para participar de reunião na CNI, que vai discutir o momento econômico do País e as saídas da crise econômica.

Só perícia

O INSS atende a solicitação da Associação Nacional de Médicos Peritos e está implantando em todo o Brasil onze agências exclusivas para atender apenas demandas geradas por incapacidade. A informação é do diretor da entidade, Samuel Abranques, acrescentando que já foram escolhidas algumas cidades, uma delas Fortaleza para prestar esse importante serviço.

Não pode

O Ministério Público Federal em Sobral ingressou com ação civil pública para impedir a expansão de empreendimentos que estão sendo instalados, de forma fracionada, em área de proteção ambiental (APA) que margeia a Lagoa do Paraíso, em Jijoca de Jericoacoara, no Litoral Oeste do Ceará. O empreendimento, de responsabilidade de Jardim do Alchymist Restaurante Ltda (e de Bonelli Associados Incorporadora Ltda, do mesmo grupo) está situado na APA Estadual da Lagoa de Jijoca e a pouco mais de 500 metros do Parque Nacional de Jericoacoara, portanto em zona de amortecimento.

Pode derrubar

Com a ação, o MPF busca a anulação de todas as licenças, autorizações, declarações de isenção, alvarás e anuências relativas ao empreendimento, já que foram emitidos sem os estudos devidos e desprovidos de autorização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). A ação também pede a demolição de todas as estruturas erguidas com base nesses documentos, especialmente as instaladas na área de preservação permanente (APP) da Lagoa de Jijoca, com a reparação total do meio ambiente afetado.

Esperteza não colou

Segundo o MPF, a instalação das etapas do empreendimento vem sendo promovida de forma fragmentada, de modo a evitar um licenciamento mais rigoroso, a elaboração de Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e seu respectivo Relatório de Impacto Ambiental (RIMA). Além disso, o MPF entende que as obras têm potencial de causar danos ao interior do Parque Nacional de Jericoacoara, conforme posicionamento do ICMBio.