Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O atleta de bodyboard de uma das escolinhas contempladas pelo projeto Juventude na Onda, Gabriel Castro (18), conquistou o segundo lugar na categoria pro-júnior durante as competições da 1° etapa do Sintra Pro 2021. A disputa aconteceu na Praia Grande, em Portugal, entre os dias 7 e 12 de setembro.

Além do destaque satisfatório conquistado nesta última competição, o atleta já acumula títulos importantes na carreira. Em 2019, foi campeão Brasileiro na categoria sub-16 e campeão cearense na categoria amador.

Para o surfista, uma das partes mais difíceis para um atleta é o apoio financeiro. Contudo, foi por meio do programa “Voa Juventude”, também da Prefeitura de Fortaleza, que ele conseguiu as passagens para embarcar na oportunidade de crescer no esporte.

“Esse campeonato foi muito importante para mim e minha carreira. Esse resultado me motivou e me fez ter a certeza que é possível quando acreditamos no nosso objetivo e, principalmente, colocando Deus em primeiro lugar. Só preciso agradecer a Prefeitura pela oportunidade. Eu quero muito levantar a bandeira do Juventude na Onda e representar nossa Fortaleza”, afirma.

Voa Juventude

O programa tem como objetivo conceder passagens (aéreas e terrestres) e hospedagens (nacionais e internacionais) para que os jovens de Fortaleza possam desenvolver suas habilidades e formações contínuas, participando de eventos, congressos, campeonatos, seminários, feiras, mostras ou cursos.

Podem receber o benefício os jovens moradores de Fortaleza com idade entre 15 e 29 anos. O programa cobre serviços de embarque, desembarque, hospedagens e seguro de bagagem

As solicitações são feitas por meio de formulário on-line próprio e de forma gratuita, disponível no Portal da Juventude.

Juventude na Onda

O projeto Juventude na Onda tem a finalidade de colaborar com a formação de uma nova geração de profissionais. Em agosto, o prefeito de Fortaleza, José Sarto, lançou o edital de seleção do projeto Juventude na Onda. Por meio da Coordenadoria de Juventude, foram selecionados 20 instrutores e 20 monitores de surf ou bodyboarding que recebem ajuda de custo para atuarem em escolinhas pela orla da Cidade.

Os selecionados recebem uma ajuda de custo mensal no valor de R$ 1.000 para os instrutores e R$ 300 para os monitores. Com o incentivo, serão ofertadas aulas de surf e bodyboarding em escolinhas de surf, ao longo de toda a orla de Fortaleza.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp