Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A reta final da campanha eleitoral é o momento em que os eleitores definem em quem votar nas eleições. Uma pesquisa feita em todas as capitais pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) mostra, porém, que 75% dos brasileiros têm receio de que seu voto seja influenciado por fake news nas eleições deste ano. O assunto foi destaque no Bate Papo Político desta quinta-feira, 4, do Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior).

Os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida deram destaque a pesquisa da CNDL e do SPC Brasil. O levantamento ouviu 800 brasileiros de ambos os gêneros, acima de 18 anos e de todas as classes sociais nas 27 capitais do País. A margem de erro é de no máximo 3,5 pontos percentuais e tem margem de confiança de 95%.

O jornalista Beto Almeida trouxe para a conversa com Luzenor de Oliveira outro dado preocupante: somente no Facebook, 35 postagens com conteúdo falso tiveram cerca de 400 mil compartilhamentos e alcançaram milhões de eleitores. Outros quatro vídeos publicados na rede social registraram 2,7 milhões de visualizações.

Para Beto, as fake news têm um “efeito devastador” quando o eleitor está desprevenido e mal informado sobre um assunto, já que muitos passam acreditar naquilo que escutam ou leem na internet. O jornalista lembra ainda que as fake news agora também não estão mais restritas a textos já que as notícias falsas estão se sofisticando, vindo acompanhadas de imagens e vídeos que buscam demonstrar a “veracidade” de um conteúdo sabidamente falso. Beto fez um pedido para as pessoas que veem postagens críticas a candidatos na internet checarem as informações em portais jornalísticos para ter certeza se a notícia procede ou não.

Candidatos devem se atentar a prazos em reta final de campanha

As eleições 2018 já ocorrem no próximo domingo, 7 de outubro. Nessa reta final de campanha, porém, os candidatos devem ficar atentos aos prazos estabelecidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Nesta quinta-feira, por exemplo, é o último dia da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV. Se encerra também, nesta quinta-feira, o prazo para os candidatos fazerem propaganda política com comícios e aparelhos de som fixos, além de ser o último para debate entre os candidatos nas emissoras de rádio e TV.

Já a sexta-feira, 5, é o prazo final para os candidatos divulgarem propagandas eleitorais pagas na imprensa escrita, incluindo a divulgação das edições impressas na internet. No sábado, é o último para uso de alto-falantes, distribuição de material impresso, caso dos santinhos, além de realização de carreatas, caminhadas ou passeatas.

No dia da eleição, 7 de outubro, é proibido fazer campanha de boca de urna e a divulgação de material de campanha. Vale lembrar que no domingo os candidatos também não podem fazer publicações de novos conteúdos ou impulsionamento de propagandas digitais na internet. A desobediência dessa norma, segundo o TSE, configura crime eleitoral.

Terceira via mais distante

Os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida ainda analisaram a pesquisa Ibope de intenções de voto para a Presidência da República divulgada na noite dessa quarta-feira, 3. O levantamento apontou que a polarização entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) continua – Bolsonaro tem 32% das intenções de votos e Haddad, 23%.

Para Luzenor e Beto, a possibilidade de uma terceira via – representada, neste momento, pelos candidatos Ciro Gomes (PDT) e Geraldo Alckmin (PSDB), que tem, respectivamente, 10% e 7% na pesquisa divulgada ontem -, ficou mais distante nesta reta final da corrida presidencial. A disputa, para os dois, parece caminhar mesmo para um segundo turno entre Bolsonaro e Haddad, ao menos que algum fato político novo mexa novamente com o sentimento do eleitorado brasileiro.

Gostou do que foi debatido no Bate Papo Político desta quinta-feira? Então clica no player abaixo e ouça as análises dos jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida na íntegra!

BATE PAPO 04.10.2018