Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Bate Papo Político traz como destaque na edição desta sexta-feira, 9, no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 22 emissoras no Interior), as operações de fiscalização deflagradas nesta sexta pelas Polícias Rodoviárias Federal e Estadual nas estradas do Ceará. A folia já está nas ruas e quem vai pegar as estradas estaduais e federais devem ficar com a atenção redobrada para evitar acidentes e outros problemas. A fiscalização será rigorosa nas rodovias do Estado, e como o assunto interessa a muitos cearenses que vão curtir o feriado, seja no sertão, nas serras ou no litoral cearense, o Bate Papo Político de hoje é especial e traz duas entrevistas com representantes da PRE e PRF, que você pode ouvir na íntegra ao final desta publicação.

A Polícia Rodoviária Estadual está nas estradas do Ceará com a Operação Carnaval 2018. Sobre esse importante tema, os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto conversaram com o tenente-coronel Ronaldo Silva, comandante da Polícia Rodoviária Estadual, que falou ao Jornal Alerta Geral sobre como a operação está sendo conduzida pela PRE. A operação, segundo o tenente-coronel, terá início às 18 horas desta sexta-feira, findando-se às 6 horas da manhã da quarta-feira de cinzas, 14 e contará com o efetivo de 466 policiais rodoviários estaduais, ou seja, “força total do batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual”, de acordo com o comandante.

O tenente-coronel ainda disse que a PRE terá à disposição 46 viaturas, 48 motocicletas e 20 reboques nas estradas estaduais, além de 65 postos avançados e 25 postos fixos. O tenente-coronel lembrou ainda que em todos os postos, tanto os avançados como os fixos, o teste do bafômetro será feito. O comandante da PRE faz um apelo aos motoristas que vão pegar as rodovias do Estado para que verifiquem as suas documentações, tanto a pessoal como a do veículo, além de se certificar de que o step está no porta-malas, assim como os equipamentos de sinalização para o caso de algum problema mecânico com o veículo nas estradas.

Ronaldo Silva ainda pede para que os condutores respeitem as leis do trânsito, a velocidade máxima das vias, evitem ultrapassar em locais proibidos, além de não beber se for dirigir. Para o tenente-coronel, com essas e outras medidas, a PRE busca reduzir o número de acidentes fatais e materiais nas rodovias estaduais, como aconteceu no ano passado, quando os incidentes fatais tiveram uma queda de 15% em relação ao ano de 2016. Por fim, o comandante da Polícia Rodoviária Estadual destaca que, quem for passar pela CE-040, deve ter uma atenção especial entre os quilômetros 98 e 100 (Beberibe-Ipueiras), trecho em que estão ocorrendo obras de duplicação.

Já a Polícia Rodoviária Federal lança agora pela manhã na BR-116, em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), a Operação Carnaval 2018 para as rodovias federais que cortam o Estado do Ceará. Com o feriado prolongado, as estradas irão receber um grande número de veículos e, com isso, será intensificada as fiscalizações. Os condutores de carros e motos precisam ter prudência e cuidado para que os acidentes sejam evitados. Sobre o esquema de fiscalização nas BRs do Ceará, os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida conversaram com o inspetor Flávio Maia, chefe do Núcleo de Comunicação Social da Polícia Rodoviária Federal no Ceará, que contou ao Jornal Alerta Geral sobre como a operação se desenrolará.

Flávio Maia ressaltou que a operação carnaval pela PRF é uma das mais importantes do ano, já que, de acordo com o inspetor, o feriado é um dos mais críticos nas rodovias federais, devido ao grande aumento do fluxo de veículos nas estradas. Uma das principais preocupações da PRF, segundo o chefe do Núcleo de Comunicação Social da PRF, é o uso abusivo de bebidas alcoólicas pelos condutores. Por isso, a operação terá início nesta sexta-feira e só terminará na quarta-feira de cinzas, 14. Além da embriaguez ao volante, segundo o inspetor, a Polícia Rodoviária Federal vai combater as ultrapassagens proibidas e, com o uso de radares, evitar com que os motoristas trafeguem nas BRs com velocidade acima do permitido nas vias.

Para Flávio Maia, a fiscalização também terá uma atenção especial com os motociclistas, que se envolvem em muitos acidentes nas rodovias federais. Com isso, a PRF quer reduzir o número de acidentes fatais nas estradas, além de se preocupar com o combate à criminalidade nas proximidades das vias. O inspetor apontou que os trechos urbanos das BRs na Região Metropolitana de Fortaleza, como é o caso dos dez primeiros quilômetros da BR-116 e da BR-222, além dos trechos em obras da rodovia Quarto Anel Viário, são os mais críticos e concentram o maior número de acidentes. Outros trechos que Flávio Maia pediu para os motoristas redobrarem a atenção são os da região da serra da Ibiapaba, por apresentar pistas muito sinuosas.

Questionado sobre os valores da multas, o chefe do Núcleo de Comunicação Social, reiterou que, por exemplo, no caso de ultrapassagens indevidas, o bolso vai doer, já que a infração é gravíssima, além de ser responsável por um grande número de acidentes fatais e/ou graves. Com isso, o valor da multa varia entre R$ 1.460,35 a R$ 2.934,70.

Gostou das informações acima e quer saber mais sobre o assunto? Então é só clicar no player abaixo!

BATE PAPO 09.02.2018