Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os estrategistas da campanha do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, ganharam de presente, nessa segunda-feira, munição para bater ainda mais no adversário Fernando Haddad, do PT.  O discurso do senador eleito Cid Gomes (PDT), que pediu meã culpa e humildade para o PT reconhecer os erros do ciclo de poder com Lula e Dilma, caiu como presente na campanha de Bolsonaro.

O discurso de Cid, que fala sobre os erros do PT, que o partido vai perder a eleição por falta de humildade e reconhecimento aos erros, será usado, em quase a sua totalidade, na noite desta terça-feira, na propaganda do PSL no rádio e na televisão. Cid chega a chamar de babaca um militante  do PT que o vaia  por não concordar  com a crítica sobre os rumos do Partido dos Trabalhadores.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp