Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A poluição sonora em Fortaleza caiu 19,4% neste ano, segundo dados da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, por meio do Batalhão de Polícia de Meio Ambiente da Polícia Militar. A taxa de redução foi de 27%, nesses finais de semana. No balanço mensal de registros da Ciops, foi verificada uma redução de 19,4%, saindo de 106.993 ocorrências em 2016 para 86.277 nos oito primeiros meses deste ano.

De maio a agosto, a Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), em parceria com a SSPDS e a Polícia Militar, realizou 238 apreensões de equipamentos, sendo 67% de paredões e 33% de mesas de som, caixas de som, entre outros itens. Também foram gerados 273 autos de poluição sonora.

A Operação Sossego é conduzida por equipes da Secretaria da Segurança Pública e atua em bairros onde há mais registros de ocorrências à perturbação do sossego alheio, como a poluição sonora. Para o secretário da Segurança Pública, André Costa, as ações integradas entre as instituições são uma forma de efetivar que as demandas por atendimento policial que chegam ao conhecimento da Ciops sejam destinadas, principalmente para atender os crimes mais graves, como homicídios, assaltos e tráfico de drogas.