Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Corpo da menina Deborá Lohany, de 4 anos de idade que estava desaparecida desde o dia 27 de março foi encontrada na manhã desta sexta-feira (7), junto a lixo na Avenida Via Expressa com Avenida Pontes Vieira, em Fortaleza. De acordo com informações da polícia o corpo estaria em fase de decomposição.

Segundo o Ronda do Quarteirão, a denúncia foi realizada por meio da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). Quando os policiais chegaram ao local e encontraram o corpo em meio ao lixo.

Familiares foram chamados para o local, Débora Freitas, vizinha da mãe da criança desaparecida, esteve no local para tentar reconhecer o corpo. A mesma foi no lugar da mãe, que estaria muita abalada.

“A nossa esperança é que não seja ela, a gente fica triste também porque pode também ser outra criança”, disse.

Entenda o Caso

Deborá foi vista pela última vez no dia 27 de março, por volta das 19h. Segundo informações da população a menina brincava na companhia de outra criança, nas proximidades da sua casa, no Bairro Aerolândia, quando um homem raptou levando para o matagal. A Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as buscas pela criança na região do Lagamar, onde ela desapareceu, foram interrompidas até que surjam novas pistas.

O delegado Levy Louzada, da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que, segundo indicação da perícia, o local possivelmente não foi usado para a prática de homicídio, já que ele foi encontrado envolto de uma caixa de papelão.

Um chinelo encontrado junto ao corpo será periciado para ajudar no reconhecimento do corpo.