Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Dados apresentados pela Secretaria de Finanças de Fortaleza (Sefin) revelaram um crescimento dos valores recebidos pelo Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) com os aplicativos de transporte Uber e Bella Driver. A evolução entre 2018 e 2019 foi de R$ 8,4 milhões.

A Assessoria de Governança da Prefeitura informou que o município atingiu a arrecadação de R$ 263.234,19 com o Imposto. No ano seguinte, a atividade rendeu R$ 8.745.928,27 à Prefeitura pelo ISS. Os dados podem ser encontrados por meio da Lei de Acesso à Informação (LAI) e são referentes apenas à tributação das operações das duas empresas já citadas pela reportagem.

A evolução é reflexo, principalmente, da regulamentação da atividade pela Prefeitura, que resultou na cobrança de 2% do valor de cada corrida realizada pelos motoristas cadastrados nos aplicativos. A justificativa é a utilização das vias de Fortaleza durante a operação, além de ser uma demanda antiga dos motoristas de táxi para igualar o mercado de transportes.

A regulamentação determina ainda que a taxa sobre as corridas poderiam ser reduzidas a 1%, “se a Plataforma Digital de Transporte atender a algumas das Medidas Mitigadoras de Impacto na Mobilidade Urbana”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp