Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA) da Polícia Civil do Estado do Ceará passa, a partir desta segunda-feira (08), a registrar procedimentos flagrânciais envolvendo adultos em co-autoria com adolescentes. A mudança dará celeridade no registro dos procedimentos além de evitar que as vítimas das ocorrências precisem passar por duas delegacias.

O procedimento foi regulamentado através da portaria conjunta número 486/2017 da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e da Polícia Civil (PCCE) publicada no Diário Oficial do Estado no último dia 03 de maio.

O plantão será realizado pela Assessoria Técnica do Gabinete do Delegado Geral exclusivamente para a lavratura de procedimentos policiais em caso de flagrante delito de maior de idade em co-autoria com adolescente, cuja circunscrição é delimitada à mesma área de atuação da DCA da Capital. Após o registro do procedimento, o adulto preso é conduzido para a delegacia responsável pela área da ocorrência e o procedimento é transferido.

“Com a implantação do plantão centralizado em um único local, vamos diminui consideravelmente o tempo de registro do procedimento. Antes, a vítima e os policiais envolvidos precisavam passar pela DCA e pela delegacia responsável pela área onde ocorreu o fato. Com o novo plantão, o procedimento é rapidamente lavrado e os policiais militares e as vitimas são liberados ali mesmo na DCA.” afirmou o delegado Geral da PCCE, Everardo Lima.

Fonte: SSPDS