Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Clientes dos Correios serão ressarcidos com destruição da carga que aguardava distribuição no Centro de Triagem de Cartas e Encomendas (CTCE Fortaleza), em incêndio nessa terça-feira. Para isso, remetentes deverão registrar uma manifestação pela Internet.

Por meio de nota, a empresa informou que realizará o levantamento da carga postal atingida pelo incêndio para só depois avaliar “eventuais indenizações”. Antes disso, diz o comunicado, “faz-se necessário aguardar os resultados das perícias técnicas que serão realizadas pelas autoridades”. O local ainda não foi liberado para perícia.

O incêndio foi reportado ao Corpo de Bombeiros por volta das 15h50min da terça-feira. Mais de 90% da carga, composta por correspondências e encomendas, foi destruída pelas chamas. Os Bombeiros realizaram o rescaldo durante todo o dia de ontem.

No momento do incêndio, apenas dois vigilantes estavam de plantão. Um deles, que estava na guarita externa, acionou o Corpo de Bombeiros por volta das 15h30min. O Sindicato afirma que a quantidade de vigilantes é a mesma diariamente. O fogo só foi considerado controlado a partir das 19 horas.