Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A presidente da Comissão Provisória Regional do PMB,  Patrícia Aguiar, encaminhou, na noite dessa quarta-feira, à redação do site cearaagora,  nota emitida pela Executiva Nacional que contesta a informação dada por este site sobre mudanças nos rumos da sigla no Ceará.

A notícia dizia que o grupo político do ex-vice-governador e atual presidente do TCM, Domingos Filho, que tem a esposa Patrícia como presidente do PMB, e o filho deputado federal Domingos Neto como presidente do PSD, havia perdido o comando estadual do PMB.

A nota da Executiva Nacional define como rumores a notícia sobre possíveis mudanças na linha de atuação da sigla no Estado. De acordo com a nota, ‘’o Partido da Mulher Brasileira vem a público, através de sua assessoria desfazer quaisquer rumores quanto ao desligamento de Patrícia Aguiar do Partido’’.

Em outro trecho, a nota destaca que ‘’Patrícia, honrada parlamentar,  reconhecida no meio político, pela sua grande contribuição como Secretária, Vereadora e posteriormente como prefeita do Município de Tauá no Ceará, sendo um das grandes responsáveis pelo expressivo crescimento do partido no Nordeste’’.

A reportagem do cearaagora publica a nota na íntegra, mas destaca, ao mesmo tempo, que a Executiva Nacional do PMB não encaminhou o ato que oficializa a manutenção de Patrícia Aguiar como presidente regional da Comissão Provisória. Destaque-se, ainda, que na notícia veiculada nessa quarta-feira não há referência a saída de Patrícia do PMB.

O texto do cearaagora relata o ambiente de conflito interno que  teria levado os dirigentes nacionais a deixarem caducar (vencer) o prazo de validade da Comissão Provisória Regional do PMB. Revela, ainda, que a presidente nacional do PMB, Suêd Haidar, visitou o Ceará, se reuniu com o governador Camilo Santana (PT) e conversou sobre a sigla no Ceará.  A partir desse encontro, surgiu a notícia nos bastidores políticos que o PMB pode passar a integrar a base de apoio ao Governo do Estado.

A assessoria de imprensa do PSD e do PMB, em nota encaminhada ao jornalista Beto Almeida, do Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Grande Fortaleza + 21 emissoras no Interior), disse que o deputado federal Domingos Neto ‘’mostrou força e manteve o comando do PMB no Estado com a ex-prefeita Patrícia Aguiar’’.

 Durante a manhã dessa quarta-feira, em Brasília, Neto havia reconhecido desentendimento com a Executiva Nacional do PMB e, por essa razão, estaria entregando o partido no Ceará. Com essa decisão, segundo a nota do PSD, é válido o ato da presidente Patrícia de comunicar à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa a saída do PMB do bloco de oposição formado com o PSD e PMDB.

Em nota PMB

O Partido da Mulher Brasileira, vem a público, através de sua assessoria desfazer quaisquer rumores quanto ao desligamento de Patricia Aguiar do partido.

Patricia, honrada parlamentar, reconhecida no meio político, pela sua grande contribuição como Secretária, Vereadora e posteriormente por três mandatos seguidos como Prefeita do município de Tauá no Ceará, segue caminhando no PMB, como presidente do Diretório Estadual do Ceará, sendo uma das grandes responsáveis pelo expressivo crescimento do partido no nordeste.