Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Em 2016, a Embraer entregou 108 aeronaves para o mercado de aviação comercial e 117 para o mercado de aviação executiva, sendo 73 jatos leves e 44 jatos grandes. O total de 225 aeronaves para esses dois mercados representa o maior volume de entregas realizadas dos últimos seis anos da empresa.

A Embraer destaca que durante o quarto trimestre de 2016, a empresa conseguiu entregar 32 jatos para o mercado de aviação comercial e 43 para o de aviação executiva, sendo 25 jatos leves e 18 jatos grandes. Em 31 de dezembro, a carteira de pedidos firmes a entregar (backlog) totalizava USD 19,6 bilhões.

Na aviação comercial, os destaques do último trimestre de 2016 foram: a entrega do E-Jet de número 1.300 para a Tianjin Airlines, da China; o início das operações de E170 na Rússia e a assinatura de um contrato com a United Airlines para a venda de 24 jatos E175.

Com sede no Brasil, a Embraer projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer suporte e serviços de pós-venda. Em setembro, durante viagem à China, o presidente da República, Michel Temer, assinou a venda de dois jatos Phenom 300, da Embraer, para a companhia Colorful Yunnan, e de cinco jatos E190 para a Colorful Guizhou Airlines.

Com Portal Brasil