Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia informou que foram reprocessados 67.523 requerimentos de seguro-desemprego que estavam pendentes por conta da nova modalidade de saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O jornalista Carlos Alberto Alencar, em seu comentário, nesta quinta-feira (23), no Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Grande Fortaleza + 26 emissoras + redes sociais), informou que o motivo para o atraso na liberação dos pedidos de seguro-desemprego é que toda movimentação que ocorre no FGTS interfere no recebimento do seguro-desemprego. E, se o trabalhador retirar o FGTS por outro motivo além da rescisão do contrato de trabalho, o seguro-desemprego é notificado e o beneficiário tem de entrar com um recurso administrativo 557 para ter o benefício liberado. Isso acontece porque, no cadastro do Ministério da Economia, constará mais de uma informação sobre o FGTS dele.

Confira na íntegra o comentário do jornalista Carlos Alberto Alencar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp