Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A instituição Grande Oriente do Brasil no Ceará foi homenageada, em sessão solene nessa quarta-feira (12), pelo transcurso dos 81 anos de sua fundação. A solenidade aconteceu no Plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa a pedido do primeiro secretário da Mesa Diretora, deputado Audic Mota (PSB).

O parlamentar destacou a importância social que a Maçonaria tem para o Ceará e salientou que é função da Assembleia Legislativa “deixar vivo na memória” da população cearense todo o serviço prestado por órgãos, instituições e poderes de alto relevo no Estado.

“Hoje à tarde, nós pretendemos cumprir uma das missões do Poder Legislativo que é lembrar e prestigiar, de maneira solene, órgãos e entidades que prestam esse serviço ao povo do Estado do Ceará. Tenho certeza de que o Grande Oriente do Brasil no Ceará desempenha esse papel. A Assembleia sempre deixa escrito em seus anais a importância da Maçonaria”, ressaltou o parlamentar.

O secretário geral da Caixa de Assistência dos Advogados do Ceará (CAA/CE), Dejarino Costa dos Santos Filho, falou sobre a honra de receber a homenagem da instituição Grande Oriente do Brasil no Ceará. “A instituição no Ceará tem em sua história a contribuição de José Torres de Melo como grão-mestre, homem íntegro e devotado ao próximo, que também contribuiu com a sociedade cearense enquanto representante do povo, exercendo o mandato de deputado estadual na Constituinte de 1946”, pontuou.

Segundo o presidente de Honra da Poderosa Assembleia Legislativa do Grande Oriente Brasil Ceará, Emmanuel Bezerra Borges dos Santos, os maçons são homens obstinados que reforçam a crença de que é possível trabalhar por um Brasil mais justo para todos. “A Ordem Maçônica se preocupa sempre em reunir pessoas tolerantes e de boa vontade, que amem a justiça e a nobreza de caráter, desejosos de serem úteis aos outros e que tenham uma verdadeira compreensão dessa maravilhosa palavra que se chama fraternidade”, enfatizou.

O Grão-Mestre do Grande Oriente Brasil Ceará, Roberto Rocha Araújo, comentou sobre o surgimento da instituição e elogiou a liderança “serena e agregadora” do Grão-Mestre de Honra do Grande Oriente Brasil Ceará, José Anízio de Araújo. “Como todo visionário, ele entendeu a necessidade de reconstruir uma nova base institucional. Para tanto, arregimentou seus melhores esforços na direção da organização política e administrativa, resgatando a força da maçonaria no cenário alencarino”, destacou.

Foram agraciados com homenagens o presidente de Honra da Poderosa Assembleia Legislativa do Grande Oriente Brasil Ceará, Emmanuel Bezerra Borges dos Santos; o Grão-Mestre do Grande Oriente Brasil Ceará, Roberto Rocha Araújo; o Grão-Mestre adjunto do Grande Oriente Brasil Ceará, José Gesival da Macena; os assessores do Grão-Mestre, Francisco Aldairton Carvalho Junior e Waldir Xavier de Lima Filho; e o coordenador do Grão-Mestre, Francisco de Assis Neves.

Também receberam homenagens o venerável mestre de Honra José Costa Neto; o secretário de Previdência e Assistência do Grande Oriente Brasil Ceará, Maiton Fredson da Silva Lopes; o secretário de Administração do Grande Oriente Brasil Ceará, Tarcísio Rebouças Porto Junior; o secretário geral da Caixa de Assistência dos Advogados do Ceará (CAA/CE), Dejarino Costa dos Santos Filho; e o governador do Rotary Internacional do Distrito 4490 (1980-1981 e 1996-1997), Meton Cesar de Vasconcelos.

Foram homenageados, ainda, os veneráveis mestres maçônicos Aécio Vieira de Holanda, Antônio Dario Araújo Cavalcante, Francisco Lima Pereira, José Edivaldo Rodrigues Melo, André Patrício Silva Oliveira, Cícero Braz de Oliveira Filho, Charles Cristovam Uchoa e Tiago Souza Soares.

Também participou da solenidade o Grão-Mestre de Honra do Grande Oriente Brasil Ceará, José Anízio de Araújo.

 

 

Com informação da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará