Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Nos últimos dez anos, as cadeirinhas passaram a ser um dos produtos mais procurados nas lojas especializadas em utensílios para bebês, principalmente desde 2010 quando o uso passou a ser obrigatório. As cadeirinhas fazem mesmo toda diferença na segurança do transporte das crianças. A prova disso é que em acidentes, quando o bebê está usando o equipamento da forma correta, acaba sendo salvo.

Na última quarta-feira, no bairro Meireles, um acidente entre um carro de passeio e um micro-ônibus, deixou duas pessoas feridas e uma morta. O bebê, que também era um dos passageiros do veículo menor, saiu ileso, pois estava numa cadeirinha.

De acordo com o Código Brasileiro de Trânsito, não é permitido o transporte de crianças sem os acessórios obrigatórios. Caso o condutor do veículo insista em transportar os pequenos da forma indevida está sujeito a multa gravíssima e 7 pontos na carteira.

Mas as infrações pelo não uso do bebê conforto, da cadeirinha e do assento ainda são muitas. De acordo com o Detran-CE, no ano passado foram registradas mais de 5 mil notificações, e este ano, só de janeiro até agora já são mais de 1.500.