Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente Michel Temer anunciou a criação de um novo Ministério: trata-se do Ministério da Segurança Pública. Temer voltou a discutir o desmembramento das atribuições do Ministério da Justiça – que hoje abriga a Secretaria Nacional de Segurança Pública – após o agravamento da violência no Rio e em outras partes do País, como no Ceará. Um dos cotados para ocupar o novo ministério é o subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil, Gustavo do Vale Rocha.

Pesquisas encomendadas pelo governo mostram que a segurança é uma das principais preocupações da população, ao lado da saúde. Antes mesmo de sair do papel, a Pasta sofre resistência por parte dos ministérios da Justiça e da Defesa e do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), que argumentam não haver tempo hábil, no último ano de governo, para criar uma estrutura com capacidade de operação efetiva. O plano sobre a mesa de Temer, em forma de medida provisória, prevê que a Polícia Federal sairá do Ministério da Justiça e ficará inserida dentro do Ministério da Segurança Pública.