Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Cerca de mil crianças e adolescentes em situação de acolhimento institucional de Fortaleza poderão participar de atividades recreativas no período das férias escolares, de 18 de julho a 4 de agosto. A iniciativa do projeto “Acolhimento em Férias” é da Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional (Cejai), do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), com o apoio do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio do Centro de Apoio Operacional da Infância e Juventude (CAOPIJ).

O objetivo é dar oportunidade para que as crianças e adolescentes acolhidos participem de atividades culturais e recreativas, bem como oferecer a chance de convivência social por meio da participação em jogos, recreação e atividades lúdicas. Entre as atividades propostas estão sessão de cinema, piquenique e brincadeiras em parque aquático.

Também são parceiros no projeto a Defensoria Pública, Juizado da Infância e Juventude, ONGs de apoio à adoção Acalanto e Rede Adotiva, Clube da Caixa Econômica Federal, Casa José de Alencar da Universidade Federal do Ceará (UFC), Shopping Center Iguatemi Fortaleza, entre outros.

Com informações do TJCE