Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Uma operação contra fraudes em licitações e cumpre sete mandados de prisão e dois afastamento de função pública no município do Eusébio nesta quarta-feira (19). A operação foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), realizada pelo Grupo Especial de Combate à Corrupção (GECOC).

Durante a operação, nomeada de “Banquete”, foram cumpridos sete mandados de prisão, 17 de busca e apreensão e dois mandados de afastamento da função pública. Os alvos são agentes públicos e empresários. Foram apreendidos documentos, aparelhos celulares, computadores e dinheiro. A quantia, calculada em R$ 46 mil, foi encontrada na casa de um empresário.

Conforme as investigações, o grupo faturou mais de R$ 7,6 milhões por meio da combinação de propostas entre licitantes e constituição de empresas em nome de “laranjas”.

(*)com informação do MPCE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp