Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Uma mulher não conseguiu sair de casa após a mesma ser incendiada e acabou morrendo carbonizada na noite da última quinta-feira (27), no bairro Granja Portugal. O Corpo de Bombeiros disse que o incêndio foi de médias proporções.

A vítima era conhecida como Raimunda Corrêa de Araújo, de 66 anos, que morava sozinha, na Rua Taubaté.  Os vizinhos perceberam as chamas e acionaram o CIOPS. Foram destacadas viaturas do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar para o local. Após as chamas terem sido debeladas, a vítima foi encontrada sem vida em um cômodo.

A Defesa Civil avalia a estrutura da residência e há riscos à vizinhos. A Polícia Civil segue em diligências para identificar as motivações do acidente.