Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Comissão Mista de Orçamento aprovou, nesta terça-feira (7), 13 projetos de lei do Congresso Nacional que, juntos, abrem crédito especial ou suplementar de R$ 3,857 bilhões no Orçamento federal deste ano. As propostas podem ser votadas em seguida pelo Plenário do Congresso.

Entre os destaques, o que destina R$ 300 milhões para concessão do auxílio gás, enquanto o outro PL reserva R$ 2,8 bilhões para pagar cota extra de auxílio emergencial a pai solteiro.

O deputado Carlos Zarattini (PT-SP) lamentou o cronograma de atendimento do programa do auxílio gás, que vai alcançar 5,5 milhões de famílias neste ano. 

“Precisamos, no Orçamento do ano que vem, contemplar todos os 24,5 milhões de famílias. É uma vergonha. As pessoas não conseguem mais cozinhar com gás e estão usando lenha, pondo em risco sua saúde”, afirmou Zarattini.

A previsão do governo é expandir o benefício gradativamente para todos os beneficiários do programa social Auxílio Brasil, até setembro de 2023.

(*) Com informações Agência Câmara de Notícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp