Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O ano de 2019 foi encerrado com números positivos no que diz respeito aos indicadores de redução de crimes como homicídios e roubos. Os dados também mostram que a quantidade de armas de fogo apreendidas no Ceará vem caindo. O ano de 2019 foi o período com menos armas retiradas de circulação desde 2013.

De acordo com as estatísticas da Secretaria, no ano passado, houve 5.479 apreensões de armas de fogo no Estado. Em 2018, foram 7.171 recolhimentos. Quando comparados os dois anos, é percebido que houve redução de 23,59%. Mesmo com esta diminuição, se destaca o aumento de fuzis apreendidos.

No último ano, mais armas de grosso calibre foram encontradas pelas autoridades no Ceará: 33 fuzis em 2019; e 29 em 2018. A disparada nas apreensões no ano passado aconteceu durante o mês de janeiro, quando a população cearense presenciou a maior sequência de ataques já registrada. Só neste período, foram encontrados 12 fuzis.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp