Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O deputado Odilon Aguiar (PMB) pediu, durante a ordem do dia sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (08), pronunciamento da Mesa Diretora da Casa sobre o processo de escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). De acordo com o parlamentar, o prazo final para a apresentação de nomes para o cargo foi concluído ontem.
Conforme explicou o deputado, o auditor fiscal do TCE, Itacir Todero, havia colhido assinaturas para poder disputar a vaga e chegou a colher as nove rubricas necessárias. “Porém, alguns deputados resolveram retirar as assinaturas para favorecer a candidatura de Ernesto Sabóia para a vaga de conselheiro”, apontou.

Para Odilon Aguiar, as assinaturas eram necessárias apenas para que o auditor pudesse disputar a vaga de conselheiro, não significando que ele já estaria escolhido. “Por isso, é muito feio o que fizeram. Foi uma pegadinha, e isso não pega bem para a Assembleia Legislativa”, frisou.

Com informações da Ascom