Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Uma pechincha pelos supermercados de Fortaleza pode render uma economia de até 56%, conforme pesquisa divulgada nessa quinta-feira pelo Procon. O órgão consulta mensalmente o preço de 47 produtos essenciais, de alimentação e higiene. A soma dos 47 itens varia de R$ 200,36, considerando o preço mais baixo de cada produto, a R$ 313,06.

A pesquisa de preço é importante principalmente para o consumidor que procura molho de tomate, pimentão, cebola, cenoura e esponja de aço, itens que podem custar até o dobro do preço se comparando o preço nos estabelecimentos da capital cearense. Para a pesquisa, o Procon consultou preços entre 22 e 23 de junho em 10 dos maiores supermercados de Fortaleza.

O estudo aponta também uma inflação de 11% no preço médio total dos produtos, se comparada com a pesquisa do mês de maio, quando a soma de todos os itens foi de R$ 248,87. Em junho, o preço médio do total dos produtos é de R$ 276,47.