Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os salários dos brasileiros devem passar por um aumento expressivo em 2018. De acordo com pesquisa da Korn Ferry, empresa global de consultoria de gestão de negócios, a estimativa é que o índice cresça 3,3%, descontada a inflação. A taxa deve ultrapassar a média global, que é de 1,5% nos salários reais.

Segundo o levantamento, que leva em conta a inflação do Brasil de 4% para este ano, o indicador será melhor que no último ano, quando a previsão de aumento no salário real foi de 0,4%.

Informações da empresa apontam que, com a alta da inflação na maior parte do mundo, a tendência é que os salários não aumentem de maneira significativa. Pelo menos nos últimos dois anos o índice global tem registrado queda. Em 2017, por exemplo, a taxa foi de 2,3%, e em 2016, de 2,5%.

O Brasil ficou entre os 15 primeiros países no ranking de aumentos reais. Na ponta de cima da tabela estão Argentina, com crescimento de 7,3%, Gana com 5,9%, Zâmbia com 5,4% e Azerbaijão com 4,8%.

Com Agência do Rádio